No Quadro de Colunistas do ROL, a ciência, a literatura e as artes de Marilza Santos!

02/06/2021 09:30

Marilza Santos

Do inconsciente ao consciente, Marilza Santos apresenta aos leitores do ROL a complexidade e a beleza do ser humano

Marilza Alvarenga Teixeira Santos é uma profissional atuante na área da saúde mental.

Natural de Manhumirim/MG, é graduada em Pedagogia, Licenciatura pela UNOPAR/CEM e pós-graduada em Neuropsicopedagogia pelo Grupo FAVENI.

É Terapeuta Licenciada em TRG-Terapia de Reprocessamento Generativo.

Foi professora das Oficinas Artesanais do CRAS de Manhuaçu até 2017 e, atualmente, é professora das Oficinas de Artes do CAPS II– Centro Atenção Psicossocial de Manhuaçu.

Profunda conhecedora do inconsciente, mostra-se, também, uma hábil navegante da literatura (escritora,  poetisa e Secretária Geral da ACLA/MG) e das artes em geral. Talentosa Artista Plástica, participa do CIAB – Circuito Internacional de Arte Brasileira nos países Holanda e Hungria; atua como Supervisora Pedagógica do GOTLAND – Instituto Cultural de Educação e Artes de Manhuaçu/MG, é membro da Associação Manhuaçuense de Artesãos e já incursionou no cinema, tendo participado como atriz voluntária do filme ‘Sonhos Reais’.

Com vista ao bem-estar social, é Diretora Social do Lions Clube Cibernético Ecológico -LC12.

Sem descurar do lado religioso, Marilza é Ministra de Música e Ministra da Palavra da Paróquia do Bom Pastor de Manhuaçu/MG.

Diante de suas atividades de cunho eminentemente social, Marilza Santos foi agraciada pela Organização Mundial dos Defensores dos Direitos Humanos – OMDDH com o título de Embaixadora da Paz!

É esta multiprofissional da ciência, das letras e das artes que ora o Jornal ROL apresenta a seus leitores!

Abaixo, sua primeira contribuição: ‘Terapia do Reprocessamento Generativo 0 TRG’.

 

Terapia do Reprocessamento Generativo – TRG

Na TRG (Terapia do Reprocessamento Generativo) trabalhamos a teoria do Cérebro Trino do  Dr. Dave Maclean Neurologista Americano.

De acordo com Maclean, o cérebro pode ser dividido em três partes:

Imagine que nós temos três cérebros em um único crânio; Maclean descobriu que, do ponto de vista Evolutivo , o cérebro humano  pode ser dividido em  três partes:

1° parte:  cérebro Reptiliano.

2° Parte: cérebro Límbico.

3° parte:  cérebro Neocortical.

O Cérebro Reptiliano ou Cérebro Basal ou Tronco Cerebral, ou ainda, como o chamou MacLean, “R-complex”, é formado apenas pela Medula Espinhal e pelas porções basais do Prosencéfalo.

Esse primeiro nível de organização cerebral é capaz apenas de promover reflexos simples, o que ocorre também em répteis, por isso o nome “reptiliano”. Conhecido como “cérebro instintivo”, tem como característica a garantia da sobrevivência, além de ser responsável pela regulação das funções e sensações primárias como fome, sede, sono, entre outras.

O Cérebro Límbico ou Cérebro Emocional, que é o Cérebro dos Mamíferos Inferiores, ou “Paleommamalian Brain”, é o segundo nível funcional do sistema nervoso e, além dos componentes do cérebro reptiliano, conta com os núcleos da base do Telencéfalo, responsáveis pela motricidade grosseira, pelo Diencéfalo, constituído por Tálamo, Hipotálamo, Epitálamo, Giro do Cíngulo, Hipocampo (Memória) e Parahipocampo.

O Cérebro Neocórtex ou Cérebro Racional, conhecido também apenas como neocórtex, é composto pelo córtex telencefálico.

Esse, por sua vez, é dividido em lobos (ou regiões):

Lobo Frontal – Responsável pela elaboração do pensamento, planejamento, programação de necessidades individuais e emoção.

Terapia do Reprocessamento Generativo(TRG) tem  embasamento teórico dos estudos de Maclean, e foi desenvolvida pelo Psicólogo e Hipnoterapeuta Jair Soares, que há mais de 15 anos atendeu em seu consultório todos os tipos de pessoas distúrbios mentais; a técnica da TRG foi experimentada e comprovada, onde foram mais quinze mil pessoas que receberam esse tratamento e tiveram suas vidas transformada .

Há inúmeras relatos de casos resolvidos com sucesso.

O ser humano nasce perfeito, sem nenhum problema, entretanto, após o confronto com a família, com a sociedade vai acumulando experiências agradáveis e desagradáveis na vida, levando a pessoa a ficar marcada positiva ou negativamente.

O que poucas pessoas sabem é que apenas 5% do que nós vivemos fica registrado no consciente, ou seja, você  se lembra,  enquanto que 95% do que experimentamos em nós mesmos e os  acontecimentos ao nosso entorno  são registrados no nosso inconsciente e você não lembra .

O inconsciente é impalpável, localizado na região do cérebro Reptiliano é responsável pelo sistema nervoso simpático, sistema muscular circulatório; é ele que faz seu coração acelerar ou desacelerar bem como produzir adrenalina acetilcolina e hormônios.

Quando a pessoa passa por  sofrimentos e não resolve as situações, tais sofrimentos acarretarão ao longo do tempo alguns transtornos, pois vai acumulando, empilhando  problemas que podem gerar por exemplo, ansiedade.

Nosso inconsciente possui três regras básica:

01° regra do inconsciente

Ele é atemporal.

É importante saber que nosso inconsciente é atemporal, ou seja, não existe passado ou futuro, tudo é presente e convém ressaltar que ele registra 400% de tudo ao nosso redor.

O sujeito que sofreu um abuso sexual na infância isso repetirá no seu inconsciente, provocando sofrimentos que serão somatizados e manifestados no corpo que surgem como dores, alergias, doenças …

A 2° regra do inconsciente.

O inconsciente busca a felicidade e, quando não encontra, ele entra num processo que é chamado de Compulsão a Repetição.

Exemplificando:

Você conhece aquele termo, Fulano tem o dedo podre para mulher?

Quando uma pessoa sofre um trauma ou uma decepção no passado que marca sua vida negativamente o seu inconsciente busca a todo tempo a felicidade e quando não encontra ele traz a seu consciente uma sensação desagradável ,um sentimento de angústia que você não sabe porque,  assim sendo ,seu inconsciente repete aquele trauma, àquela decepção, aquela infelicidade do passado levando a compulsão a repetição.

3° regra do inconsciente.

Compulsão a Repetição:

Como citamos anteriormente, nosso inconsciente busca a felicidade e quando não encontra ele entra num processo que é Compulsão a Repetição. Exemplificando:

Uma criança que reprovava o comportamento agressivo do pai, ou um vício, ao crescer ele tende a reproduzir exatamente aquilo que detestava no pai; há quem diga, de tanto falar do pai está agindo igual a ele.

Nosso cérebro é como um grande soft de computador. Do mesmo modo que fazemos limpeza nos dispositivos devemos limpar também   nosso inconsciente eliminando todo tipo de arquivos, ou problemas, desnecessários.

Terapia do Reprocessamento Generativo tem como objetivo  limpar o soft mental da pessoa através dos métodos cronológico, somático, temático, futuro e potencialização; com essa terapia o músculo cerebral é fortalecido levando a pessoa a ser resiliente   diante dos problemas da vida .

Costumo dizer a meus clientes que somos como um carro novo saído da concessionária com tudo perfeito, tudo lindo e saudável, mas com o passar dos anos, precisamos de reparos, “mecânica”. Nesse caso  o Terapeuta  do Reprocessamento Generativo  toma seu inconsciente pela mão libertando-o dos traumas, do congelamento emocional  na infância, livrando dos medos, das fobias da ansiedade e das depressões.

Portanto, quando você entrar numa boutique e escolher uma blusa de determinada cor, quando entrar na perfumaria e ficar extasiado com o aroma daquele perfume preferido,  saiba que nesse momento é seu inconsciente atuando, pois é ele quem faz suas escolhas boas ou más.

Portanto, cuide do seu inconsciente para fazer conscientemente suas escolhas.

 

Por Marilza A.T. Santos – Neuropsicopedagoga e Terapeuta TRG

 

 

Tags: