Jeane Tertuliano: ‘Eu-passarinho’

15/10/2021 09:23

Jeane Tertuliano

Eu-passarinho

No meu quarto, não há janelas;

mas ao acordar, consigo ouvir

as melodias rítmicas e mais belas

que um passarinho faz para mim.

 

Tal passarinho não tem nome,

sendo assim, decidi nomeá-lo.

Ele parece estar sempre insone,

pois vive cantando ao meu lado.

 

Imaginação é a sua graça,

pois me faz vislumbrar o dia

que irradia pueril na praça

e faz brotar, em mim, poesia.

 

No meu quarto, não há janelas;

contudo, o meu eu-passarinho

floresce canções em aquarelas

e, orvalhado, retorna ao ninho.

 

Jeane Tertuliano

jeanetertuliano@gmail.com

 

Tags: