Cláudia Lundgren: ‘Vozes’

01/11/2020 10:59

Cláudia Lundgren

Vozes

Que vozes são essas
Que emanam de mim?
Volume estrondoso
Alarido sem fim
Transbordantes vozes
Bocas gritantes
Urgentes, veementes
Extravagantes
Espada cortante
Sem qualquer limite
A mente não pensa
Voz dinamite
E quando eu me calo:
– Enclausuradas vozes! –
Com verbos me entalo
Sem dó, vis, algozes.

 

Claudia Lundgren

tiaclaudia05@gmail.com

 

 

 

 

 

Tags: