Cia. Elevador de Teatro Panorâmico celebra 20 anos com a estreia do espetáculo infantojuvenil Caro Kafka no Sesc Bom Retiro

11/05/2022 01:12

Com dramaturgia de Carla Kinzo e Marcos Gomes e direção de
Marcelo Lazzaratto, a peça é inspirada em um episódio real da
vida do escritor Franz Kafka, relatado no livro ‘Kafka e a Boneca Viajante’, do catalão Jordi Sierra i Fabra

Um episódio real da vida de Franz Kafka (1883-1924), um dos maiores escritores do século 20, inspirou a Cia. Elevador de Teatro Panorâmico a criar o infantojuvenil Caro Kakfa, com dramaturgia de Carla Kinzo e Marcos
Gomes e direção de Marcelo Lazzarato. O espetáculo, que marca as duas décadas de existência do grupo, estreia no dia 15 de maio, no Sesc Bom Retiro, onde segue em cartaz até 26 de junho. O elenco traz Pedro Haddad,
Chiara Lazzaratto e Julia Alves. A história, que teria ocorrido no último ano da vida do escritor tcheco, foi
relatada pela primeira vez pela companheira dele, Dora Dymant, e serviu comoinspiração para o romance “Kakfa e a Boneca Viajante”, do escritor catalão Jordi i Fabra, que venceu o Prêmio Nacional de Literatura Infantil y Juvenil pela obra, em 2007.

Certo dia, ao passear pelo parque Steglitz, em Berlim, Kafka se depara com uma menina chorando por ter perdido sua boneca. Para tranquilizá-la, ele inventa uma história: o brinquedo não estaria perdido, mas havia feito uma
viagem. Apresentando-se como “o carteiro das bonecas”, o autor diz que possui uma carta da boneca para a menina e que a entregará no dia seguinte. A partir daquele dia, o escritor produz a primeira de muitas cartas, que, por três
semanas, ele entrega pontualmente àquela criança, narrando todas as peripécias da boneca, vividas em todos os cantos do mundo.

Na montagem da Cia. Elevador de Teatro Panorâmico, cada uma dessas cartas cria uma releitura para passagens famosas dos livros de Kafka, como “A Metamorfose”, “O Processo” e “O Castelo”, apresentando esse rico universo
literário ao mini público. E aqui, ao final do espetáculo, é o escritor quem recebe uma curiosa carta.
A ideia do trabalho é, ao contar a história da boneca, misturada ao universo dos famosos livros de Kafka, apresentar à criança uma nova possibilidade de ressignificar a própria vida a partir do dado da ficção.
Caro Kafka nas palavras do diretor:

“Confesso que estou tomado pela emoção. Emoção daquelas incontroláveis detão belas, tão singelas. E nestas breves linhas tentarei explicar o porquê: Em 2001, encenei a primeira peça da Cia. Elevador de Teatro Panorâmico, uma peça voltada às crianças de todas as idades chamada ‘A Ilha Desconhecida’, baseada na obra de José Saramago. Neste mesmo ano nascia minha filha Chiara e dediquei o espetáculo a ela. Chiara, uma bebê de poucos meses, tinha cadeira cativa em todas as apresentações. Na peça, Pedro Haddad interpretava o Homem do Barco que ia em busca da sua Ilha desconhecida, uma aventura de duplo sentido: ao partir para o mundo se encontrava em si mesmo. Um ótimo enredo para um jovem ator que iniciava ali seu ofício. E os olhinhos de Chiara a enxergar tudo…

De lá para cá, muitos projetos, muitas histórias, peripécias e aventuras! Um grupo de teatro para sobreviver neste país precisa de fibra e ótimos parceiros. Os anos passaram, a Cia. Elevador projetou, construiu e acessou muitos
andares; Chiara cresceu, se tornou atriz e agora, comemorando os 20 anos de existência do grupo, decidimos montar nosso segundo espetáculo voltado às crianças de todas as idades; sim, esta peça que estão prestes a assistir, Caro
Kafka, um texto magnífico dos queridos e talentosos Carla Kinzo e Marcos Gomes; e nela Pedro, como Kafka, conhece uma menina chamada Pina, interpretada por Chiara, e juntos imaginam! Criam!

A menina que nasceu na Ilha Desconhecida, hoje através das cartas de Kafka, se torna uma artista. Pedro conduz Chiara na cena e ela revela a ele que o estranho pode ser familiar. Uma linda passagem de bastão que ganha ares
ainda mais envolventes com a presença da incrível Julia Alves, jovem atriz que também inicia sua carreira neste trabalho. Julia interpreta Felícia, a boneca de Pina, o verdadeiro ponto de ligação entre Pina e Kafka. Nesta peça, é ela que vai para o mundo em busca de si mesma e, por meio de cartas, indica os caminhos à menina. E quantas camadas sociopolíticas ela revela! De forma simples e profunda, delicada e envolvente. E eu, diretor, pai e amigo, como bem podem imaginar, às lágrimas!” – Marcelo Lazzaratto.

Cia. Elevador de Teatro Panorâmico A Cia. Elevador de Teatro Panorâmico é um núcleo permanente de investigação em linguagem teatral fundado em 2000 na cidade de São Paulo. Apropriando-se dos mais diversos temas, dialoga diretamente com o homem contemporâneo, estabelecendo um trabalho de pesquisa e criação, propondo a junção da verticalidade dessa pesquisa com a horizontalidade de sua abrangência ao público.  Ao longo de 22 anos de trajetória, a Cia. desenvolveu um repertório de 16 espetáculos – que cumpriram temporada e se apresentaram em diversas cidades brasileiras e participaram de inúmeros festivais -, além de organizar oficinas, cursos, encontros, seminários, workshops e mostras. Desde 200 mantém uma sede, o Espaço Elevador, teatro que se propõe como centro gerador e propagador de cultura, ampliando o diálogo entre artistas da cena e nossa cidade. Hoje a Cia. – por onde já passaram mais de 50 artistas -, é constituída pelo diretor artístico, Marcelo Lazzaratto e por Carol Fabri, Pedro Haddad, Rodrigo Spina, Tathiana Botth e Thais Rossi.

Sinopse:
Caminhando solitário por um parque, o escritor Franz Kafka nota uma menina que chora, sentada em um banco. Ele se aproxima e pergunta o motivo de sua tristeza. A menina Pina lhe responde que sua boneca, Felícia, havia sumido.
Comovido, ele inventa que a boneca não desapareceu, mas fez uma viagem –, e se apresenta como “o carteiro das bonecas”. A partir desse dia, ele passa a trazer, semanalmente, cartas da boneca viajante para a criança, contando suas aventuras pelo mundo – até que um dia, o próprio Kafka recebe uma curiosa carta. Neste trabalho, trechos de alguns de seus livros mais importantes, como A metamorfose, O processo e O castelo, que marcaram a visão de mundo do século 20 (e do século 21), entrarão transversalmente na trama do texto, a ser criada a partir de um episódio singular da vida do escritor.

Ficha Técnica:
Dramaturgia: Carla Kinzo e Marcos Gomes
Direção: Marcelo Lazzaratto
Elenco: Pedro Haddad, Chiara Lazzaratto e Julia Alves
Iluminação: Marcelo Lazzaratto
Cenário: Julio Dojcsar
Figurino: Silvana Marcondes
Música original: Dan Maia
Técnicos de Som: Anderson Moura e Gabriel Bessa
Técnico de Luz: Lui Seixas
Contrarregra: Tiago Moro
Costureira: Atelier Judite de Lima
Cenotécnico: Fernando Lemos (Zito)
Interpretação em Libras: Fabiano Campos
Audiodescrição: Bell Machado – QUESST CONSULTORIA EM
ACESSIBILIDADE CULTURAL

Assessoria de Imprensa: Pombo Correio
Projeto Gráfico: Alexandre Caetano / Oré Design Studio
Fotografia: Andreia Machado
Administração de Projeto: Carolina Fabri
Produção executiva: Marcelo Leão
Produção: Anayan Moretto
Realização: Cia. Elevador de Teatro Panorâmico

Serviço
Caro Kafka – com a Cia. Elevador de Teatro Panorâmico
De 15/5 a 26/6. Domingos, 16h. Tradução em Libras no dia 05/06.
Audiodescrição no dia 12/06.
Ingressos: R$ 7,50 (Credencial Plena) R$ 12,50 (Meia) e R$ 25 (Inteira)
Livre. Recomendado para maiores de 4 anos de idade.

COMPROVANTE DE VACINAÇÃO 

Pessoas com mais de 12 anos deverão apresentar comprovante de vacinação contra COVID-19, evidenciando DUAS doses ou dose única para ingressar em todas as unidades do Sesc no estado de São Paulo. Crianças de 5 a 11 anos
devem apresentar o comprovante evidenciando UMA dose (conforme calendário do município). O comprovante pode ser físico (carteirinha de vacinação) ou digital e um documento com foto. Recomendamos o uso de máscara. O uso de máscaras permanece obrigatório nos espaços de atendimento odontológico, ambulatórios e locais de exames dermatológicos. O acesso às unidades do Sesc está sujeito a legislação municipal referente à COVID-19.

TRANSPORTE GRATUITO 
O Sesc Bom Retiro oferece transporte gratuito entre a Estação da Luz (Saída da CPTM, sentido Praça da Luz e José Paulino) para o Sesc Bom Retiro. Horários de Ida: Quinta, Sexta e Sábado, das 17h30 às 19h50.
Domingo a partir das 13h às 15h50. Volta: Ao término do espetáculo até à estação Luz.

ESTACIONAMENTO DO SESC BOM RETIRO 
O estacionamento do Sesc oferece espaço para pessoas com necessidades especiais, carros de baixa emissão, carros elétricos e bicicletas. A capacidade do estacionamento é limitada. Os valores são cobrados igualmente para carros
e motos. Entrada: Alameda Cleveland, 529.

Valores: R$ 5,50 a primeira hora e R$ 2 por hora adicional (Credencial Plena).
R$12 a primeira hora e R$ 3 por hora adicional (Outros). Valores para o público
de espetáculos à noite R$ 7,50 (Credencial Plena). R$ 15 (Outros).

Horários: Terça a sexta: 7h30 às 20h. Sábado: 10h às 20h. Domingo: 10h às
18h. IMPORTANTE: Em dias de espetáculos o estacionamento funciona até o
término da apresentação.

Sesc Bom Retiro
Alameda Nothmann, 185. CEP 01216-000. Campos Elíseos, São Paulo – SP.
Telefone: (11) 3332-3600

Siga o @SescBomRetiro nas redes sociais | Facebook, Instagram, Twitter e
Youtube /sescbomretiro

Tags: