António Alexandre: ‘Sorrir’

26/04/2021 05:33

António Alexandre

Sorrir

Como sorrir se não tenho escola para aprender a escrever

Como sorrir se vejo crianças nuas e descalças?

Ah! Como sorrir  se não tenho escola para aprender a ler

Como sorrir se não tenho este Direito?

 

Como sorrir se nunca mais vi, na mesa, um pão.

Como sorrir se os abutres levaram tudo de mim e me destruíram.

Como sorrir se não tenho este Direito?

Como sorrir se não tenho força nem peito.

 

Como sorrir se o atalho para casa é prenhe de poeira e cratera.

Como sorrir se passo por dificuldades de vária ordem.

Como sorrir se os abutres me fecharam a porta na cara?

Como sorrir com tanta desordem!

 

António Alexandre

antonioaalex71@gmail.com

 

 

 

 

 

Tags: