Teatro Escola Mario Persico apresenta, neste final de semana (30 e 31), os espetáculos As Faces de um Anjo, Vereda da Salvação e O Caminho do Poço das Lágrimas

28/03/2019 09:03

As Faces de um Anjo (30 – sábado – 20h – 3º andar); Vereda da Salvação (31 – domingo – 19h – 1º andar) e O Caminho do Poço das Lágrimas (31 – 19h – 3º andar)

AS FACES DE UM ANJO

A nova montagem da Cia Clássica de Repertório foi agraciada com o Edital de Formação da Prefeitura Municipal de Sorocaba – Secretaria de Cultura e Turismo, que premiou o Projeto Ator em Construção que durante todo o ano de 2018 aconteceu no Teatro Escola Mario Persico, sede da Cia Clássica de Repertório e que terminou com três montagens distintas dirigidas por Mario Persico, Tiske Reis e Marcos Sanson. Veredas da Salvação, com base no texto potente de Jorge Andrade foi o primeiro que veio à cena com direção de Mario Persico. Depois estreou O Caminho do Poço da Lagrimas dirigido por Tiske Reis e agora As Faces de Um Anjo, sob a direção de Marcos Sanson.

O título vem da biografia de Nelson Rodrigues, O Anjo Pornográfico. O espetáculo costura algumas crônicas de A Vida Como Ela É… que Nelson publicava no jornal A Última Hora.

A Vida como Ela é… foram uma série de crônicas escritas por Nelson Rodrigues, um dos maiores escritores brasileiros do século XX, durante os anos de 1950 a 1961. A Vida como Ela é… era o nome da coluna diária do escritor na Última HoraSamuel Wainer, proprietário do jornal, queria que Nelson Rodrigues, já consagrado pela peça Vestido de Noiva, retratasse uma história da vida real. As crônicas geralmente giravam em torno do adultério, do pecado, dos desejos e da moral, causando escândalo.

A montagem adaptou para o palco as crônicas O Delicado, Fruto do Amor, O Decote e O Anjo

Participam da montagem os atores Debora Julia, Deverson Giovane Alves, Paulo Hashiguchi, Henrique Paschoal, Rafael A. Ferreira, Wallefi Fernandes, Isabela Oliveira T. Antunes, Haliny Silvério Pereira, Bianca Biondo da Costa, Alexia Soler Ribeiro, Camila Aparecida Martins, Silvana Baer, Fátima Vitória O. Fortunato, Dayny Mendes, Michele Fernanda Mariano.

 

Serviço:

Espetáculo: As Faces de Um Anjo

Local: Teatro Escola Mario Persico

Endereço: Rua da Penha, 823

Data: 30/03/2019 (Sábado)

Horário: 20h00

Ingressos: R$ 30,00 e R$ 15,00

 

 

VEREDA DA SALVAÇÃO

A nova montagem da Cia Clássica de Repertório foi agraciada com o Edital de Formação da Prefeitura Municipal de Sorocaba – Secretaria de Cultura e Turismo, que premiou o Projeto Ator em Construção que durante todo o ano de 2018 aconteceu no Teatro Escola Mario Persico, sede da Cia Clássica de Repertório e que termina com três montagens distintas dirigidas por Mario Persico, Tiske Reis e Marcos Sanson. Veredas da Salvação, com base no texto potente de Jorge Andrade é o primeiro que vem a cena com direção de Mario Persico.

Vereda da Salvação foi escrita entre os anos de 1957 e 1963, e estreou em 1964 pelas mãos de Antunes Filhos. Considerada um marco da dramaturgia nacional, ela representa uma virada na dramaturgia de Jorge Andrade que se volta para a classe brasileira mais desfavorecida. Inspirado em um episódio verídico ocorrido na cidade de Malacacheta, no sertão de Minas Gerais, Vereda da Salvação é o símbolo do desamparo, do descaso e da crendice dessa parte excluída da sociedade brasileira. Árida como o sertão euclidiano de Canudos; miserável como os posseiros que perderam suas terras tornando-se agregados; mergulhada em um lamaçal de infertilidade, doença e misticismo, a peça retrata um Brasil vítima do isolamento e da ignorância. São as agruras da miséria e a total impossibilidade de melhora de vida no plano social que adubam o solo tornando-o fértil, não para o alimento que mata a fome, mas sim para o messianismo e o fanatismo religioso que tomam conta da alma. Jorge Andrade consegue, em Vereda da Salvação, reproduzir com maestria essa combinação da degradação humana com a promessa da salvação divina que, repetidas vezes na história do Brasil, resultou em verdadeiras catástrofes sociais. Vereda infelizmente parece ter sido escrita para o Brasil atual. Tanta coisa se mostra como realidade nos dias de hoje. Até mesmo a opção estética dos atores com o corpo coberto de lama ganhou novos contornos com a tragédia recente de Brumadinho. Enfim, um espetáculo necessário e urgente.

 

Serviço:

Espetáculo: Veredas da Salvação

Local: Teatro Escola Mario Persico

Horário: 19h00

Data: 31/03/2019 (Domingo)

Endereço: Rua da Penha, 823, Sala C. R. Mantovani

Ingressos: R$ 30,00 e R$ 15,00

Indicação Etária: 14 anos

 

 

O CAMINHO DO POÇO DAS LÁGRIMAS

A nova montagem do Teatro Escola Mario Persico foi agraciada com o Edital de Formação da Prefeitura Municipal de Sorocaba – Secretaria de Cultura e Turismo, que premiou o Projeto Ator em Construção que durante todo o ano de 2018 aconteceu no Teatro Escola Mario Persico e que termina com três montagens distintas dirigidas por Mario Persico, Tiske Reis e Marcos Sanson, respectivamente coordenadores das oficinas.
A peça resultado da oficina “Ator em construção”, oficina que teve duração de um ano onde foram estudados diversos assuntos relacionados ao teatro, como aulas de português, filosofia, jogos teatrais, história do Teatro Brasileiro e diversas pesquisas abrangendo renomados autores e mestres do teatro e aplicando toda essa pesquisa na montagem do espetáculo “O Caminho do Poço das Lagrimas.”
“A ideia para escrever O Caminho do Poço das Lágrimas nasceu de uma história de ninar que eu inventei para as minhas filhas. Durante muito tempo essa história ficou remoendo em minha mente, ela se apoderou de mim de uma maneira que eu precisei parar tudo para dar vida a ela.”
É com essas palavras que André Vianco explica por que decidiu escrever o livro “O caminho do poço das lágrimas”, livro no qual a peça homônima foi baseada. Levando isso em consideração, Tiske Reis traz para os palcos uma história cheia de segredos e divagações sobre a vida humana e sua tão frágil existência. Baseando-se no fato que o livro foi escrito devido a uma canção de ninar, a peça foi concebida com um coro que cantam cantigas infantis que vão recheando o caminho do poço das lágrimas enquanto as personagens principais o percorrem. Utilizando a própria voz e corpo, o coro dá vida ao cenário e é também ele próprio o cenário. E assim ilustram acontecimentos e pontuam diversos momentos da peça, trazendo uma grande vivacidade para os sentimentos das personagens centrais.
A montagem conta com vinte atores, entre estreantes e veteranos.

 

Serviço:

Espetáculo: O Caminho do Poço das Lagrimas

Local: Teatro Escola Mario Persico

Horário: 19h00

Data: 31/03/2019 (Domingo)

Endereço: Rua da Penha, 823, Sala 3

Ingressos: R$ 20,00 e R$ 10,00

Indicação Etária: 14 anos

Tags: