Post Tagged with: "Poesia"

O leitor participa: Cassiano Ricardo Miranda, de Sorocaba (SP), com o poema: ‘Lavorando de clássico a clássico…’

31/03/2018 20:20
O leitor participa: Cassiano Ricardo Miranda, de Sorocaba (SP), com o poema: ‘Lavorando de clássico a clássico…’

“Plantei uma muda de poesia/ E, ao mesmo tempo e bem perto dela,/ Plantei uma semente de mudança…”

O leitor participa: o poeta sorocabano Kiko Rebelles, com o poema ‘Numa noite de luar’

29/03/2018 19:53
O leitor participa: o poeta sorocabano Kiko Rebelles, com o poema ‘Numa noite de luar’

“Suave como a brisa de uma noite de luar/ O silêncio sereno da tua paixão/ No sonho da dúvida que te faz calar/ Na alegria remota que roubou tua razão.”

Jairo Valio: ‘Pintei o céu de azul’

21/03/2018 18:49
Jairo Valio: ‘Pintei o céu de azul’

“Como um carinhoso pintor,/ Um pincel mágico utilizaria,/ E como criança brincando./ Ia usando uma cor bem azul,/ Mágica, que se ia espalhando,/ E depois encobriria todo o céu.”

Jairo Valio: ‘As rosas’

17/03/2018 22:54
Jairo Valio: ‘As rosas’

“Após as mutações que sofrem como se fossem crianças,/ Despertando para a vida como se estivessem hibernando,/ Vão mostrando seus esplendores e derramando perfumes,/ Tão inebriantes que atraem admiradores que querem amar,/ E então a brisa vem suave para entregar-lhes com mimos.”

Jairo Valio: ‘Criança maltratada’

09/03/2018 11:31
Jairo Valio: ‘Criança maltratada’

“Sonhava ser bailarina girando nos pés,/ Sapatilhas coloridas, cabelos com gel, /Arrumadinhos como se fosse uma princesa,/ Sobrancelhas levantadas, olhos pintados,/ E para completar um leve rubor no rosto.”

Nicanor Filadelfo Pereira: ‘Gratidão à mulher!’

05/03/2018 09:54
Nicanor Filadelfo Pereira: ‘Gratidão à mulher!’

“Divinamente destinada/ a tornar-te maternal/ de uma prole consagrada,/ virtuosa,— tendo o dom angelical,”

Jairo Valio: ‘Amigo’

28/02/2018 21:12
Jairo Valio: ‘Amigo’

“Fui solidário quando me buscavam,/ e entendia os acenos de angústia,/ pois a amizade que realmente vale,/ é para os momentos aflitivos,/ quando a tempestade desaba.”

O leitor participa: Leontino Correa – O Poeta das Ruas -, com o poema: ‘Criança de rua’

25/02/2018 21:48
O leitor participa: Leontino Correa – O Poeta das Ruas -, com o poema: ‘Criança de rua’

“Mendigando um pedaço de pão/ O desprezo tristeza me traz/ O meu leito são as pedras da rua/ Cobertor é a luz do luar.”

Tereza Du’Zai: ‘Transições’

24/02/2018 10:00
Tereza Du’Zai: ‘Transições’

“Levava o inimigo morto nas costas,/ Sem remorsos e sem orgulho./ Os transeuntes pareciam não se importar,/ Cumprimentavam-no tirando os chapéus,/ – Bom dia, Jurandir./ – Bom dia, Seu Nino./ – Bom dia, Jurandir./ – Bom dia, Seu Zezo./ E seguia Jurandir com seu morto (…)”

O leitor participa: Leontino Correa, ‘O Poeta das Ruas’, com o poema ‘Sorocaba: coração do Brasil’

21/02/2018 15:11
O leitor participa: Leontino Correa, ‘O Poeta das Ruas’, com o poema ‘Sorocaba: coração do Brasil’

 Leontino Correa, ‘O Poeta das Ruas’, homenageia Sorocaba com o poema ‘Sorocaba: coração do Brasil’