Post Tagged with: "Eduardo César Werneck"

Eduardo César Werneck: ‘Tchau, meu pai!

04/03/2022 11:19
Eduardo César Werneck: ‘Tchau, meu pai!

Tchau, meu pai!

Eduardo Werneck: ‘O andarilho’

18/02/2022 20:50
Eduardo Werneck: ‘O andarilho’

“…o cansaço sim foi acompanhante constante… além do escárnio das pessoas… e como é ruim se sentir um nada… pois, as pessoas riem… exatamente isto!”

Eduardo César Werneck: ‘Com que roupa vou cantar o Hino Nacional?’

04/01/2022 19:10
Eduardo César Werneck: ‘Com que roupa vou cantar o Hino Nacional?’

Com que roupa vou cantar o Hino Nacional?

Eduardo César Werneck: ‘À procura da verdade histórica – o que o Brasil perdeu’

22/06/2021 13:03
Eduardo César Werneck: ‘À procura da verdade histórica  – o que o Brasil perdeu’

À procura da verdade histórica – o que o Brasil perdeu

Eduardo César Werneck: ‘O andarilho’

25/05/2021 21:11
Eduardo César Werneck: ‘O andarilho’

…o cansaço sim foi acompanhante constante…além do escárnio das pessoas…e como é ruim se sentir um nada…pois, as pessoas riem…Exatamente isto!

Eduardo César Werneck: ‘Nasce uma estrela…’

27/01/2021 07:57
Eduardo César Werneck: ‘Nasce uma estrela…’

“…De múltiplas cores, e variadas formatações, desde tempos imemoriais pelas mesmas clamam os seres humanos…”

Eduardo César Werneck: ‘Acariciando ferimentos profundos…’

08/08/2020 22:29
Eduardo César Werneck: ‘Acariciando ferimentos profundos…’

“… doutora faça tudo o que for possível, pois para viver lutarei até o fim…”

Eduardo César Werneck: ‘ Acariciando saudáveis ferimentos…’

19/07/2020 12:51
Eduardo César Werneck: ‘ Acariciando saudáveis ferimentos…’

“…Os relatos começam com a vinda do primeiro Werneck (Augusto de Souza – meu bisavô materno) para a região…”

Eduardo César Werneck: ‘ À Albertina… a consideração que merece !’

06/06/2020 12:55
Eduardo César Werneck: ‘ À Albertina… a consideração que merece !’

“… Não é à toa a escolhi para ser a patronesse de minha cadeira na Academia de Letras e Artes de Cruzeiro – a ALAC – e agora, ela volta à ativa…”

Eduardo César Werneck: ‘ Meio século depois… reencontramos-nos!’

22/10/2019 10:46
Eduardo César Werneck: ‘ Meio século depois… reencontramos-nos!’

“… copiando Casimiro de Abreu… que saudades ‘desta’ aurora de minha vida, da minha infância querida… que os anos não trazem mais…”