Sônyah Moreira: ‘Preferes amigo ou inimigo?’

03/06/2017 14:52

Sônyah Moreira: ‘Preferes amigo ou inimigo?’

 

Caro leitor, responda rápido, o que preferes; amigo ou inimigo?Não deixe que a pressa turve seus pensamentos, tenha calma em responder!

Enquanto  você está pensando  tratar-se de mais uma de minhas viagens na maionese, que tal  debulhar essa idéia.

Disse certa vez o  Exmo. Sr. Janio da Silva  Quadros (*1917 – +1992), vigésimo segundo presidente do Brasil,  entre Jan/61 – ago/61, do qual pediu renuncia. Deixemos esta particularidade de lado, forças ocultas!

Uma de suas   célebres frases ditas por esta  dessa figura meio mítica da breve História brasileira; é a seguinte: “ Intimidade gera duas coisas; aborrecimentos e filhos”

Neste instante, você caro leitor, deve estar convicto que ao escrever esta crônica devo de fato estar fora da realidade, peço um pouco mais de calma, suspense faz bem!

Como seres humanos que somos quiça sensíveis, acreditamos que em nossas vidas os amigos são essenciais, fomos criados e educados desta maneira,  e com uma tendência a buscar  o conforto.

Ouvimos a exaustão o provérbio português. Ora, pois. “Quem tem amigo, não morre pagão” Será mesmo verdade?

Ao longo da vida cheguei à conclusão que a frase do Sr. Jânio Quadros,   pode ser verdadeira.

Nossos amigos, nos conforta, levantam nosso astral, fala que somos a melhor pessoa do mundo!

E nossos inimigos? Ah! Sim, eles nos afrontam, sempre dizendo que não somos tão bons assim, que petulantes!

Caro leitor! Precisamos de nossos inimigos, aquelas pessoas cujo sentimento por  nós não seja amor, que podem até nos  odiar, porém, com toda a aversão que possam sentir de nós, a única coisa necessária é o respeito que precisamos ter por nossos inimigos, e eles por nós.

Necessitamos de inimigos, são eles que nos fazem seguir em frente e  nos superarmos.

Vamos levar essa loucura toda para o âmbito profissional, sim! É  lá, que essa idéia poderá ser mais bem entendida.

Em uma empresa você não precisa de pessoas que te amem, mas, de pessoas que te respeitem, isso é primordial, pois, são elas que farão o trabalho da consciência, até quando poderá ir, onde poderá chegar, e quão bom você é!

Fazendo outra analogia! No conto de fadas de Pinócchio, do escritor e jornalista  (Carlo Collodi) se  o Grilo falante, a consciência de Pinócchio,   fosse menos amigo e mais inimigo de nosso protagonista, as dificuldades dele poderiam  ser menores!

Bom! Acredito que agora, com toda essa explicação, você caro leitor, há de concordar comigo, que assim   como necessitamos de nossos amigos, muito mais de nossos inimigos.

Eles não nos deixarão sair da realidade,  nos dirá sempre que somos falhos,  erramos, e  existe    alguém muito melhor que nós,  e ainda que não jamais, seremos insubstituíveis. Nossos inimigos são primordiais em nossa evolução profissional e pessoal.

Caro leitor, pense que quando seus inimigos de anos morrerem, lógico que seja antes de você. Porém, isso te deixará fraco, chore muito a perda de seus inimigos, você perdeu sua mola propulsora que sempre te fez seguir  em frente, se superar!

Vivemos em um mundo dual, sempre precisamos ter os dois lados de tudo, portanto, assim como amigos são necessários, inimigos também, cultive-os, porém, consiga arrancar  deles o sentimento mais almejado de todos os seres vivos. O  respeito!

 

Sônyah Moreira    sonyah.moreira@gmail.com

Tags: