Sandra Albuquerque: ‘O mal que nos assombra’

19/02/2021 20:44

Sandra Albuquerque

O mal que nos assombra

Henrique Lucas

Evitei você
e nem percebi
a sua chegada:
– você veio de mansinho e adentrou no ambiente.
Nem, sequer, por mim
convidado foi.
Afinal, você é
um visitante
não bem-vindo.
Destrói sonhos:
Mutila, abate, corrói, ceifa.
Parece traças que trabalham no silêncio
e evoluem
como o passar
dos segundos.

 

Seu relógio é traiçoeiro, um tempo impiedoso
que caminha
para o tédio fatal.
É um tormento
quando você penetra
no ser
pois o deixa
vulnerável
sem ânimo
e sem forças.
Como uma serpente contorce a presa
Me a sufoca
você rouba o oxigênio.
Você me pegou,
mas não vou morrer,
vou contar ao mundo
os seus efeitos
e que tentem evitá-lo.
Afinal…
Você é
o mal que nos assombra.
Porém, não se esqueça:
-sou mais forte que você.
Eu estou no leito
e é por pouco tempo, pois um dia desses
eu vou acordar
e dizer adeus
a você para sempre.

 

Autora: Poetisa Sandra Albuquerque

Em homenagem ao amigo Escritor Henrique Lucas- Hosane Henrique- que adquiriu Covid-19)
Rio de Janeiro,12 de fevereiro de 2021)
Direitos Reservados (Lei 9.610/98).

 

 

 

 

 

 

Tags: