Poesias do Professor Carlos estão no Projeto ‘Pão e Poesia’

13/01/2017 00:52

A edição deste ano foi considerada um sucesso e ficou acima da expectativa

 
Carlos Cavalheiro

Carlos Cavalheiro

O professor, historiador, escritor e poeta Carlos Carvalho Cavalheiro teve suas poesias selecionadas para o projeto “Pão e Poesia”, da cidade de Blumenau / SC, e serão impressas em embalagens das padarias daquela localidade.

Carlos Cavalheiro reside em Sorocaba e trabalha como professor de História em Porto Feliz, na EMEF. Coronel Esmédio.
Atuando há mais de duas décadas em atividades culturais, o professor é articulista dos jornais “Tribuna das Monções” (Porto Feliz) e “Jornal ROL” (Itapetininga). Autor de mais de duas dezenas de livros, é ainda produtor e diretor de vídeos, tendo sido premiado em 2013-2014 no Mapa Cultural Paulista com o documentário “Em busca do Unhudo”.

A Fundação Cultural de Blumenau (FCBlu) e a Editora Cultura em Movimento divulgaram a lista dos poemas classificados na edição do concurso Pão e Poesia 2017 em sites da internet. Devido a grande quantidade de poemas recebidos, o conselho da editora decidiu aumentar o número de selecionados de 30 para 73. Os trabalhos serão publicados entre novembro de 2016 e 2017, em pacotes de pão que serão distribuídos nas padarias catarinenses. Os autores receberão exemplares de seus poemas logo que os cartuchos forem impressos.

A edição deste ano foi considerada um sucesso e ficou acima da expectativa. “Os textos provam que a produção literária está mais viva do que nunca, e mostra a importância do Projeto Pão e Poesia no país”, comenta o presidente da Fundação Cultural, Rodrigo Ramos. “O conselho da editora e a FCB pretendem digitalizar os poemas classificados nesta e nas edições anteriores, que já estão publicados em livros.”

Além disso, os poemas serão veiculados em bolsões poéticos no Horto Botânico Edith Gaertner, um espaço arborizado que fica atrás da Fundação Cultural, no Centro Histórico. Esta iniciativa será aberta aos turistas, escolares e demais visitantes. “Parabenizamos os selecionados e agradecemos a participação dos mais de 400 poetas”, comemora a gerente da Editora Cultura em Movimento, Marlene Anuseck. “Todos os participantes receberão via e-mail o resultado da seleção”, conclui.

Carlos Carvalho Cavalheiro é  ainda ‘Colaborador Emérito do Núcleo MMDC’ de Itapetininga Setor SUL, membro do Conselho de Defesa do Patrimônio de Porto Feliz e do Comitê do Arquivo Histórico deSorocaba. Mestrando em Educação pela UFSCar – Campus Sorocaba. Este ano teve poesias suas selecionadas para o projeto“Pé de Poesia”,no qual os poemas foram impressos em placas que foram afixadas em árvores de praças de Salvador, Bahia. Recentemente, e num concurso, também de caráter nacional, e que fez parte da coletânea “Poesia Livre – 2016 – Concurso Nacional de Novos Poetas”, realizado pela Editora Vivara. Também recebeu Menção Honrosa no 6º Concurso de Microcontos de Humor de Piracicaba, no I Concurso ALAP “Paranavaí Literária” (promovido pela Academia de Letras e Artes de Paranavaí / PR)  e foi vencedor do Prêmio Sorocaba de Literatura com o livro “O Negro em Porto Feliz – Memória afro-brasileira numa cidade do Médio Tietê”.

Ainda em 2016 obteve a

Menção Honrosa no 7º Concurso Cidade de Gravatal de Literatura pelo seu conto ‘João da Cruz’ e o 8º lugar no 16ª Edição do Concurso de Poesias da CNEC Capivari/SP.

Tags: