Paulo Siuves: ‘Ano novo, canção nova’

08/01/2022 15:12

Paulo Siuves

Ano novo, canção nova

Ano novo, uma nova canção,

para um amor que invade o ar

e traz consigo novos sonhos

Sonhos que se tornam doces poemas,

poemas que se transformam em canções,

canções que enchem o ar.

Põe de volta no peito

a esperança de viver

no ano que se inicia

O amor que arde há tempos,

um amor antigo que ainda vive;

que nunca passou, apesar dos anos

Então nasce uma nova canção

que fala de um novo tempo,

de uma nova chance,

de um novo começo

pra esse amor que arde meu peito

E que se tornou canção

amor que não tem prazo,

nem tem indícios de fim.

Pois, esse amor que arde em mim

resistiu ao tempo,

resistiu à distância,

resistiu à toda prova,

Um amor que não é novo,

mas, que nesse novo ano

vai se renovar em nós.

Eu juro!

 

Paulo Siuves

paulosiuves@yahoo.com.br

 

Tags: