O leitor participa: Vanor Barreiros: ‘E se fosse você?’

08/06/2019 12:23

Vanor Barreiros

Crônica: E se fosse você?

Imagem extraída da internet

Bater no peito e ignorar a dor e sofrimento alheio é muito fácil.

A indiferença que domina cada ser humano, o faz cada vez mais insensível à causa do outro.

Passar por alguém que, na rua, implora por uma doação, por um sem teto que dorme sobre
um papelão sob uma marquise de uma rua qualquer, de uma pessoa brutalmente assassinada,
nenhuma comoção é capaz de provocar nas pessoas.

A criança que no farol passa entre os carros pedindo um trocado, a mulher que é espancada e
morta por seus companheiros, o idoso que é assaltado, nada disso incomoda ou preocupa
mais.

A “idiotização” do ser humano o torna insensível e egoísta, perdendo o grande ensinamento
de amor ao próximo, de modo a não conhecer o sofrimento alheio, esquecendo-se que poderá
ser a próxima vítima deste sistema cruel.

E se for você que precisará estar num farol mendigando por um trocado, na mira de uma arma
de um roubador?

É se for você que esteja na condição da mulher agredida pelo companheiro ou o morador de
rua que adormece no frio, sobre um papelão?

E se for você?

Ainda é possível e há tempo de mudar tudo isso. Basta dar o primeiro passo no sentido
contrário à indiferença.

 

Vanor Barreiros

vanorbarreiros@gmail.com

Tags: