Tânia Orsi: ‘Diáspora Negra’

26/06/2020 08:12

Tânia Orsi

Diáspora Negra

O mulato

Da minha cor

Grita, negro!

Teus pulmões

Desacato

Desata mulato

O teu rancor

 

Tua pele

Urde a dor

Que ulcera

Mulato

Ulcera

O anonimato

Mulato

Da minha

Cor

 

Minha voz

Na tua boca

Meu negro

Mulato

Notícia

Simulacro

Meu pai

Meu parente

Meu amor

 

Teu corpo

Tem peso

Tua morte

Perfurada

O degredo

A arma afiada

Estupor

 

Tem peso

O teu corpo

Tem!

Na letra negra

Necro- notícia

No jornal

Teu corpo

Quem?

Sem calor

 

Morre o negro

O mulato

E seu grito

No asfalto

No anúncio

De domingo

O carro

Do ano

New Word

 

Teu nome

Mulato

Negro hiato

Tua sombra

Esguia e forte

Meu norte

Segue-me

Pelas veias

E artérias

De vermelha cor.

 

Tânia Orsi

taniaorsi1@gmail.com

 

 

Tags: