Letícia Mariana: ‘A vida e a morte’

22/07/2021 21:24

Letícia Mariana

A vida e a morte

Meu peito está em ruínas,

A vida e a morte!

Perco amigos, levo palavras,

O recorte do ser!

Me visto desta cama que pulsa,

Ter o que me falta!

Me retiro num instante que pula,

Estou exausta?

Não me tenho e gostaria de saber,

Como é a vida real.

Me perco neste extremo que é viver,

A morte é fatal.

Os remédios não me matam neste lugar,

E os quadros me observam ao andar.

A vida e a morte,

Tristeza eu sou!

Insignificâncias de moça,

Sou alguém?

Existo e me persigo à força,

A forca do que sou!

Eu me odeio a cada dia,

E me amo na manhã.

A noite é uma criança,

E será que eu sou sã?

Não me sinto bem,

Não me sinto sã,

Não me sinto,

Não me quero.

Tenho amigos?

Tenho sentido?

Eu me venero?

Eu existo?

Eu só quero um destino:

A morte que é viver.

 

Letícia Mariana

leticiamariana2017@gmail.com

Tags: