Leila Alves: ‘Ode às Ruas de Recife’

18/02/2021 22:49

Leila Alves

Ode às Ruas de Recife

Ruas sombrias, estreitas,
largas
ou nuas, são
ruas.

Ruas por dentro das ruas,
dobrando esquinas,
saindo dos becos, dando
voltas, as ruas.

Ruas rudimentares, de
marquises e fachadas.
Ruas oníricas, solitárias
aglomeradas, vazias.

Ruas caducas, dos
sobrados, mosaicos e
fendas. Ruas Oblíquas,
enigmáticas, fecundas.

Ruas literárias, boêmias.
Ruas das luas, do antigo
Recife.

Ruas são odes que
minh’alma arredia
canta.

 

Leila Alves

leila.alvesmlc@gmail.com

Tags: