Lafam: ‘Transformação’

18/08/2018 00:19

Lafam: ‘TRANSFORMAÇÃO: A ARTE E A CIÊNCIA DE TRANSFORMAR A AÇÃO E A TRANSFORMAÇÃO QUE TRANSFORMAM A SI PRÓPRIAS!’

 

Apesar do título aparentemente confuso, enigmático e, modéstia à parte, propício a aprisionar Personalidades mais sensíveis e delicadas em terríveis Labirintos eidéticos, temos certeza de que você, um dos nossos poucos, contudo, brilhantes leitores, já apreendeu o Espírito daquilo que pretendemos apresentar ao longo desse artigo. Bem, nem que seja apenas parcialmente, pois Inteligência não significa necessariamente ter a Glândula Pituitária (Neuro e Adeno-hipófise) transformada numa Bola de Cristal, calcificações à parte. Num Romance que escrevemos na década de 1990, ainda inédito, QUASE TODOS OS MUNDOS DE UM MUNDO, uma tia da personagem principal, possuía de fato esse minúsculo grande Órgão mineralizado, cristalizado, sabe-se lá o quê. De qualquer forma, em decorrência de tal fenômeno, a senhora dispunha de poderes paranormais, como uma aguda Sabedoria, aguçada Intuição e outros. Mas eis-nos aqui novamente, correndo o risco de escapar tangencialmente dos trilhos e aumentar o embrulho. Aquieta-te, oh Alma ávida de adejar louca e livremente no Céu infinito das delícias semânticas, poéticas e filosóficas!

 

Bem, pedimos perdão por esses e outros deslizes que porventura possam ocorrer ao longo do nosso texto. Afinal, escrever, ver e viver são atividades que sem um mínimo de Imaginação e algumas bem dosadas pitadas de devaneio não valem muito a pena. Tudo bem, sejamos o máximo racionais, lógicos e cartesianos que pudermos, sem negligenciar a Verdade que a Criatividade sustenta os sistemas de refrigeração e segurança, que asseguram um melhor desempenho à máquina viva que somos. Quem apenas pensa que pensa e raciocina, não imagina o quê está perdendo e o bem que poderia fazer a si, mediante o imaginário. Mas devemos nos ater ao assunto em pauta, ou seja, a questão da TRANSFORMAÇÃO, se possível, às últimas conseqüências. Quer dizer, um pouco menos, pois colocando dessa forma drástica, talvez assumamos compromissos maiores do que aqueles que temos competência de encarar ou afugentemos pessoas de boa vontade como você. De qualquer forma, essa noção de Transformação é deveras perturbadora e encerra em si mesma uma essência radical, universal e, portanto, impactante. O delicioso dicionário do Google assim define essa palavra mágica: transformação substantivo feminino 1.1 ato ou efeito de transformar(-se) 2. FÍSICA qualquer alteração no estado de um sistema.

 

É simplesmente incrível. Apreciamos sobremaneira a palavra em si e TODOS os seus significados e, por que não dizer, as suas implicações e conseqüências. Contam as lendas hassidistas, que um Rabino não conseguia participar das reuniões do Rabinato, pois tão logo estas eram abertas e alguém iniciava a Leitura das Escrituras, dizendo: E D’us falou, o santo homem enlouquecia, entrava em êxtase, admirado apenas com a proposição de que o Criador declarara qualquer coisa. Precisava ser contido e levado para fora, coitado. Sentimo-nos numa situação quase igual, afinal, a ação da Transformação está presente em praticamente quaisquer fenômenos e processos no homem, no Mundo humano e fora dele. Ela é a Chave não somente da Vida, por mais misteriosa e oculta que esta seja, contudo de TUDO aquilo que pura e simplesmente existe, mesmo que não apareça, inclusive do que só parece existir. É sobejamente sabido que a Mudança é a Lei mais abrangente, inevitável e insofismável do Universo, a ponto de despertar um entusiasmo, um frenesi e um desejo de dançar incontrolável no Senhor Shiva.

 

 

Que TODAS as coisas e fenômenos se transformem, sempre, é um fato que não deveria passar despercebido a ninguém, menos ainda às Mentes que são ou pretendem se tornar mais esclarecidas. É notória a razão de proporcionalidade inversa entre o auto-conceito egóico, vaidoso e pretensioso e a verdadeira Realidade íntima e última da pessoa. Quanto mais elevado, especial e brilhante alguém se considera, mais tranqueira é. Da mesma forma, o iluminado búdico, crístico ou de qualquer natureza, mesmo na condição de Bodisatva (que para a maioria da humanidade, já seria muito mais do que jamais se poderia sonhar), tem perfeita noção e auto-Percepção da sua estatura mental e espiritual, porém, sabe que isto NADA é em si, mais ainda se contaminado pelo orgulho. Então, tal Ser é simples e espontaneamente humilde, não PORQUE TENHA DE SER. TUDO aquilo que TEM QUE (seja lá o que melhor se possa pretender ou determinar), como na aberração dos devaneios socialistas, é o fim. O Mestre auto-realizado, desperto e ascendido, até lava os Pés dos Discípulos, mas nem por isto é passível de ser feito de bobo pelos malandros-otários dos mais diversos tipos farisaicos.

 

 

 

 

De qualquer modo, como ninguém nasce feito, perfeito e iluminado, nunca é demais enfatizar certos aspectos da Jornada Existencial e da Senda Mística. Afinal, a Verdade nunca será ensinada, repetida e exortada em demasia. Qualquer outro tipo de Informação pode empapuçar, enjoar e se tornar cansativamente enfadonho e monótono, pois a sua  própria natureza, conteúdo e estética são limitados. Já o Conhecimento relacionado ao Absoluto, é sempre instigante, cativante e estimulante. A Beleza, a Sabedoria e a Perfeição das sagradas Leis Cósmicas e Divinas só não atraem e encantam as Almas muito torpes, toscas e primitivas, o que não quer dizer que elas nunca alcançarão o Destino de TODOS. Da mesma maneira, há meditações ativas, taoístas e yóguicas, cuja fórmula primordial é ABRAÇAR A UNIDADE: o Praticante mantém o Pensamento focado num único ponto (material, simbólico ou icônico), que pode ser o Nome ou Imagem de uma Deidade com A qual se identifique, ame e reverencie, 24 horas por dia, ou seja, o TEMPO INTEIRO.

 

 

 

 

Para muita gente isto se apresenta como uma tarefa chata, enfadonha, enlouquecedora e muito difícil mesmo, se não impossível. Acontece que a autêntica e perfeita Comunhão com o Ser Supremo ou as Suas Hostes embevece, nutre e deleita. Você ficar na simples esfera cortical do racional e objetivo, tagarelando sobre esta Entidade ou as doutrinas e dogmas da sua Religião, será deveras fatigante, insípido e contraproducente. Apenas as Personalidades Obsessivo-Compulsivas obterão algum sucesso nesta prática, mas sem o estabelecimento de qualquer conexão real e verdadeira com o/a Sr./a Deus/a, exceto talvez se no restante das suas atitudes e atividades vivenciar vibrações amorosas, bondosas e altruísticas. Poderá, quem sabe, obter a Misericórdia imotivada dEle/a. Quem realiza deveras uma ligação com a Fonte de TODAS as Fontes, terá a posse do maior, melhor e único Tesouro que as Traças não róem, o Tempo não corrompe e nem ladrões roubam. Conseqüência necessária e fatal disto: não será mais alguém! A Identidade é um conjunto de conceitos, imagens e sentimentos indispensáveis à Vida e à expressão da Alma numa dada Existência, mas quando se ilumina ou desencarna, é deixada para trás, à semelhança de uma casca, concha ou roupa que não serve mais.

 

 

 

Então, prossigamos. A manifestação da Vida em todo o espectro de dimensões do nosso plano fenomênico, principalmente nos níveis material e mental/espiritual, depende da mutação, seja de elementos, condições ou estados. Por exemplo, os nossos processos metabólicos, as reações químicas e elétricas que ocorrem em nossas Células, dependem exatamente disso. O Oxigênio, para a imensa maioria das Criaturas, e os Nutrientes são imprescindíveis para o desempenho de todas as funções do Organismo. Esse fenômeno é lindo, misterioso e mágico, embora poucos homens e mulheres parem para pensar, observar e agradecer por ele. Trata-se de uma Alquimia divina. Através de um estímulo bioquímico ou de outra natureza, um Órgão, como uma Glândula, por exemplo, secreta algo que não existia. Veja a Aranha, que produz um fio proporcionalmente mais resistente que o aço, com o qual tece a sua teia, ou certos Crustáceos marinhos de Vida séssil, que secretam uma espécie de cimento que os prende a um substrato rochoso, casco de embarcações ou outros Animais.

 

No trabalho digestivo também se realizam diversas mudanças. Uma substância entra em contato com outras, resultando num agregado de ambas ou, ainda, numa terceira, que difere completamente das anteriores. As Células animais ou vegetais se substituem em decorrência de envelhecimento ou lesão, mediante, é claro, uma Transformação, que não deixa de configurar uma ação autopoiética. Quase todos os Insetos passam por morfologia, hábitos e características completamente diferentes desde o nascimento aos estados larval e adulto, inclusive mudando de um ambiente aquático para outro, terrestre. Nós, seres humanos, não constituímos exceção a essa regra, pois viemos de um Mar Amniótico intra-uterino para o Espaço aberto Atmosférico.

 

E, evidentemente, essa questão extrapola a perspectiva biológica e se apresenta em todos os demais aspectos da nossa Vida. TUDO E TODOS, pedindo perdão por mais esta freqüente repetição, evoluem. Os mais lentos parecem estacionados ou regredindo para os que avançam celeremente. No entanto, pouco ou muito, TODAS as Criaturas saem melhores de uma Vida do que entraram. A gente muda de opinião, aprende novas coisas, aperfeiçoa outras, amadurece, enlouquece, esquece, supera, renova. Alguns mais esforçados recebem reforço e recompensas, aprimoram-se: transcendem! E assim a Transformação atua incessantemente, sempre renovando as Formas e formando novos Conteúdos, ensejando a estipulação, manutenção e extinção de significados e significantes. Revelando e ocultando a Verdade, sem jamais, todavia, ousar modificá-la, senão a maneira como A percebemos, quantitativa e qualitativamente. Estalactites e Estalagmites do Carbonato de Cálcio astral das Cavernas Mentais, Anímicas e Neuroendócrinas do homem!

 

Nada permanece a salvo da Mudança, exceto ela mesma. Ah, sempre um paradoxo, uma contradição ou uma hipotética incoerência quando se tenta traduzir para a linguagem humana Aquilo que está além do Além e das lendas. A Vida se transporta e transforma em regiões inimagináveis, onde todas e quaisquer estruturas de Cognição não resistem por muito tempo à pressão das manifestações de vibrações infinitamente sutis. Igualmente, não ousamos sonhar ou captar com a nossa visão isto TUDO, nem através da microscopia eletrônica. Menos ainda teorizamos sobre a nossa cosmovisão e teogonia. No entanto, a sua Força é infinita. Para onde quer que nos dirijamos ou sejamos lá o que for, o Espaço não é o Tempo, nem tampouco ambos são requisitos imprescindíveis para qualquer coisa: simplesmente nos transformamos, consumimos e perdemos Energia, quer permaneçamos quietos e encolhidos, quer ajamos e nos agitemos. Um dia, chegaremos ao final e, ainda assim, a Transformação prosseguirá quiçá eternamente. Viemos do pó e ao pó retornaremos ?

 

 

 

Assim como em cima é embaixo, dento e fora, etc. No inebriante, belo e arrebatador show de fractais existenciais, os padrões se repetem em escalas infinitamente pequenas e grandes. Em cada PARTE, há infinitas PARTES que formam outras e são formadas desse modo. TUDO é dinâmico e mesmo o que não se move, nem por isto deixa de sofrer alterações em TODOS os níveis, sobretudo no seu percurso móvel ou estático: confirmação ou negação da Primeira Lei de Newton ? Então, o ser humano é, simultaneamente, servo e senhor das suas Transformações. A Onda tem o tamanho e a velocidade relativos à sua Fonte, embora seja sempre circular. Estar num campo gravitacional é atrair e sofrer atração de praticamente TODOS OS CORPOS em proporção à massa de cada um.

 

Os Mundos que o homem cria dentro e fora de si, contam com uma natureza, um estilo e uma vibração muito afins ao que ele É realmente. Aquela estória de se afirmar que vemos somente as coisas que já existem dentro de nós, é uma meia-Verdade. E pode ensejar equívoco e falácias mais ou menos perigosos. A Idéia faz mais sentido quando entendemos o que ocorre de fato. Nem TUDO  será elucidado e explicado cabal e satisfatoriamente, porém, com um pouco de Imaginação e Intuição, poderemos atingir os melhores patamares do esotérico entendimento. E afirmando isto, pretendemos nos ver livres de todas as estereotipias, preconceitos e distorções que a humanidade atual emprega indiscriminadamente, principalmente por conta de Escritores, Editores e Palestrantes oportunistas, charlatães e embusteiros.

 

Resumindo: nós nascemos, crescemos e existimos num ambiente repleto de objetos, criaturas e acontecimentos, que em si mesmos não possuem Existência e nem valor, sentido ou significado próprios. Conforme nos desenvolvemos e passamos por processos internos e externos de aprendizado, condicionamento e socialização, TODAS ESSAS COISAS passam a receber uma ordenação: são explicadas e justificadas, desempenham uma função e ocupam o seu lugar. A partir de então, tendo dado nome aos Bois e a TUDO mais, como Adão diante do Senhor, organizamos mais ou menos o nosso Mundo, quer apreciemos esse trabalho e o seu resultado ou não.

 

Desde o princípio a relação de causa e efeito é alternada, havendo constante e mútua influência. TUDO o quê suscita, alimenta, neutraliza e elimina Emoções, é por elas igualmente afetado. Aquilo que você está habilitado a ver, criar capacidades de julgar e reconhecer, será adaptado à sua Percepção. Todas as crenças muito intensas e profundas serão corroboradas pelas experiências, que o somatório das suas Forças conscientes e subconscientes propiciou.  A maneira como aprendemos a olhar as coisas, por exemplo, de cima para baixo ou da esquerda para a direita, bem como o traçado urbano das ruas, casas e praças da nossa Cidade, se relacionam à Cultura na qual estamos insertos e determinarão inúmeros traços da nossa Personalidade.

 

Dentro de tal óptica, desfrutamos ou enfrentamos o que é coerente com a nossa natureza mais íntima. No mesmo e único Mundo em que nos encontramos Aqui e Agora, acontecem, simultaneamente, infinitos outros, dos quais temos pouca ou nenhuma noção. Neste exato momento, por exemplo, você consegue sequer imaginar TUDO o que está acontecendo com TODOS os habitantes e em cada lugar da nossa sagrada Terra ? O Agora já passou (e continua passando) e tem sido assim desde o Princípio. Não existe sequer o Presente – que já é Passado. As Sensações e os Afetos de modo idêntico se alternam incessantemente, num fluxo incessante e estonteante.

 

 

 

Uma vez que estejamos cientes de que TUDO É ASSIM E FUNCIONA DE ACORDO COM LEIS CÓSMICAS PERFEITAS, que em decorrência da sua lógica, universalidade, transparência e constância, podemos conhecer, bem como nos manifestar e trabalhar em Harmonia e Cooperação com elas para o nosso próprio benefício, dos outros e dos Mundos compartilhados. Quanto mais experimentamos e aprendemos sobre o Absoluto, mais poderes e responsabilidades concomitantemente nos são outorgados. Responderemos pelo uso (abuso ou descaso) que fizermos de tal Conhecimento e das Iniciações, que juntos forjam Armas, Ferramentas, Instrumentos e TUDO mais necessário e útil à consecução da Grande Obra. Utilizar TODO esse arsenal espiritual para o mal, por exemplo, como o fito de atender a ambições e desejos sórdidos, reprováveis e egoísticos, é a pior desgraça que alguém pode criar para si. É óbvio que um ser inescrupuloso nunca chegará ao nível de ser admitido a essa luminosa e bendita Hierarquia, porém, sempre há o risco de uma queda.

 

O modo como nos comportamos no Mundo fenomênico, influencia consideravelmente o Mundo astral e vice-versa, embora nem sempre em igual medida e proporção. Aparentemente, também não há uma correspondência explícita entre o nosso modo de ser e as nossas funções, postos e encargos, numa dimensão e noutra. Acontece freqüentemente de alguém insípido, tíbio e apático na esfera material, desenvolver trabalhos importantes e respeitáveis no outro lado. Conforme o sujeito evolui, desenvolvendo novas capacidades e aprimorando antigas, passa a equalizar a sua atuação em todas as esferas por onde transitar. Como ensinam os Mestres: passa a ver o Mundo da vigília como o onírico e vice-versa. Torna-se mais e mais consciente, agindo de acordo com tal Mentalidade também nos Sonhos e Projeções Astrais. Tampouco deixa de perceber o Vazio e a Efemeridade de TUDO, Aqui e Agora. E apesar da posse do Conhecimento de que o Sonho é a Realidade e que a Realidade é o Sonho, cumpre com TODOS os seus misteres e faz as escolhas certas, completamente isento da hipocrisia e babaquices do politicamente correto.

 

Daí a nossa imensa e, para algumas pessoas imaturas e deficientes afetivas, assustadora responsabilidade. Naturalmente, nunca sonharíamos de propor que TODOS criassem ou alimentassem algum Transtorno Obsessivo-Compulsivo, caso em que determinados Pensamentos, Idéias e Imagens torturam e escravizam os seus portadores. Não se trata de ninguém ficar se vigiando e reprimindo a cada minuto. É claro que a Mente inconseqüente, egoísta, desinformada, tagarela e superficial está constantemente construindo a cela da sua prisão mental ou cavando a própria cova. Seria muito melhor apenas prestar mais Atenção nas coisas e, sobretudo, em si mesmo. Afinal, ninguém pode nos fazer mais mal, prejudicar-nos enormemente e boicotar as nossas melhores intenções, do que nós próprios.

 

Cada um de nós traz dentro de si as sementes e os germes do Bem, da Vida, da Luz, do Amor e da Saúde, todavia, igualmente do mal, do (auto-)destrutivo e das trevas. Ao longo da Vida vamos adubando e regando uma parte ou outra do Jardim da Consciência. Os outros e as circunstâncias podem ter a sua cota de participação nos eventos bons e maus pelos quais passamos como meios, instrumentos ou estímulos, só que cada um é inteiramente responsável pelas suas escolhas finais. E também pela qualidade das suas respostas emocionais, cognitivas e comportamentais, resultantes de acontecimentos que não dependem realmente nada da sua participação. Muitas vezes, o objeto em si é pouco ou NADA relevante, importando somente o modo como é encarado, vivenciado e TODOS OS FLUXOS oriundos disso. Os mais adiantados na Senda sabem perfeitamente que o segredo não reside no Mundo Exterior, mas no Interno: no jeito e na intensidade com que se percebe e, portanto, consubstancia a TUDO!

 

 

Todas essas considerações necessariamente nos conduzem a assuntos que reputamos interessantes e palpitantes em si próprios, como fenômenos sociais e psicológicos inerentes ao ser humano, tanto quanto pela probabilidade de repercutirem em esferas que atingem um grande número de homens e mulheres. Todas as atividades e ações sociopolíticas afetam, de uma forma ou de outra, mais intensa e diretamente ou menos, a Vida de cada cidadão. Principalmente no que diz respeito aos alienados, que acreditam poder viver em Liberdade, conforto e segurança, sem estarem atentos, “orando e vigiando” e se defendendo da escória que incentiva e lucra muito com esse desinteresse, comodismo e deslumbramento ingênuo. Os esquerdistas, sem nenhuma exceção, são maus, desajustados e ineptos, robotizados por doutrinação verbal, subliminar, bibliográfica e artística, preparados para robotizar os outros. Dessa maneira, falar de Política ou de qualquer outra prática, Ciência e Filosofia, pode ser tão místico, necessário e funcional quanto qualquer outro assunto relacionado ao desenvolvimento pessoal e às técnicas eficientes de se obter um autêntico Domínio da Vida.

 

 

 

Aliás, conforme o caso, a Consciência política é ainda mais valiosa e até imprescindível, pois sob o encarceramento físico, mental e espiritual de um estado totalitário, perde-se junto com a Liberdade civil, econômica, existencial, espiritual, de locomoção, de Consciência e de Expressão, também o Direito inalienável, dignificante e sagrado de dirigir a própria Vida! Sob uma ditadura comunista (é redundante colocar assim, pois não existe “ditadura de Direita”, como muitos trouxas supõem, já que deixaria de ser Direita ou Liberal, havendo no máximo um falso Capitalismo, estatal), o Estado deificado, onipotente, onipotente e onipresente vigia, oprime e sufoca o Coração, a Mente e a Alma de toda a população. Você passa a ser escravo! E é curioso que tanto na Maçonaria quanto no verdadeiro Rosacrucianismo, um dos requisitos cruciais para a aceitação e Iniciação do Candidato, é ter Mente e Alma livres! Um presidiário, enquanto esteja cumprindo pena, não pode estar ativo na sublime Ordem Rosa Cruz e qualquer idiota percebe imediatamente o porquê dessa exclusão temporária.

 

 

 

Os problemas do socialismo e do comunismo, em suas várias vertentes (leninista, stalinista, fabiano, frankfurtiano, marxista cultural, bolivariano, islâmico, etc.) são muitos e para uma melhor visão e compreensão, também para fins de taxonomia, classificação e didatismo, grosso modo, podem ser analisados sob dois aspectos: um é objetivo, o outro, subjetivo. Dito de outra forma, no primeiro caso, a ditadura do proletariado representa o mais catastrófico, medonho e horrível fracasso na produção e, por conseguinte, distribuição de riquezas.

 

 

 

Nunca funcionou em nenhum lugar do Mundo, salvo porca, temporária e parcialmente na maldita União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (U. R. S. S.), somente nos últimos dias de fôlego da direção leninista, quando foram adotados alguns modos e valores de produção da livre iniciativa, que terminaram no início da medonha era stalinista. E na China atual, que se tornou uma verdadeira aberração: depois das desgraças e sofrimentos da “Grande Fome” (1958 – 1961), quando morreram literalmente de fome mais ou menos 60 milhões de chineses, existe Propriedade Privada e certa Economia de Mercado! Mas quem se esquecerá da crueldade, burrice, canalhice e sadismo do líder comunista, o diabólico Mao Tse-Tung (1893 – 1976), que provocou esse e muitos outros desastres, sem falar da “Revolução Cultural” e outros crimes e genocídios hediondos!

 

Os miseráveis Países que caíram sob o jugo dos bandidos e pulhas vermelhos, foram à bancarrota em todos os sentidos, mormente o econômico. Truculência, espancamentos, terrorismo institucionalizado, intimidação, prisões e torturas arbitrárias, negação de Direitos básicos, doutrinação pavloviana, censura dos meios de Comunicação de massa, Internet e até das correspondências particulares, espionagem doméstica, eis alguns poucos exemplos dos recursos e meios que TODOS os malditos “revolucionários” utilizam para “livrar” o povo da “exploração capitalista”, que lhe fornece muitos benefícios, trabalho, dignidade, opções de produtos industrializados e agrícolas em feiras, supermercados, vendinhas, etc. Em contrapartida, impõem à pobre população a espoliação, a opressão, o sarcasmo e a tirania dos safados do “partido único”.  Enchem o pessoal de Idéias, ideais e fantasias absurdas, ridículas e quixotescas, até um ponto donde praticamente não há mais retorno.

 

O Estado comunista absoluto é infinitas vezes pior do que as Monarquias absolutistas, que parecem ter condicionado tanto os europeus, que hoje em dia eles votam e aceitam governos autoritários e esquerdistas, invasão disfarçada fuga de refugiados, perda de Direitos Individuais. Covardia, estupidez ou cinismo ? Provavelmente TUDO junto. Os piores Inimigos são o que fazem parte da nossa família e moram em nossa casa. Além de furtarem objetos, quebrarem utensílios e eletrodomésticos, estragarem os alimentos que estão na geladeira e na despensa, desperdiçarem Água e Eletricidade, ainda destrancam sorrateiramente as portas e janelas para na calada da noite ou, descaradamente, em plena luz do Sol, entrarem assaltantes, estupradores, vândalos e meros curiosos desocupados. Os dirigentes marxistas adoram essas coisas, afinal sabem como tirar proveito dessas violências e abusos. Além de morarem em mansões e palacetes roubados da burguesia, jamais apinhados em casebres, cubículos e apartamentozinhos que destinam ao povo.

 

Embora respeitemos TODAS as Religiões, não há como não experimentar mal-estar pela afinidade existente entre ativistas comunistas e militantes muçulmanos. Os adeptos do Islamismo aceitam se submeter cegamente a uma Instituição supostamente espiritual, que regula despoticamente cada detalhe da sua Vida privada, inclusive os dias em que a prática de sexo com a(s) própria(s) esposa(s) é permitida. Alguém pode e, conforme o caso, deve matar aqueles que os dignitários considerarem “infiéis”, ainda que nesse ignóbil atentado terrorista morram o próprio homicida fundamentalista e quantos mais inocentes estejam no local e hora errados.

 

Os “revolucionários” procedem de idêntica maneira. Mesmo os facínoras da chamada Esquerda-caviar não se mostram melhores que isto, embora não sejam fortes e loucos o bastante para eles próprios perpetrarem crimes afins: sem deixar de lado o conforto, as vantagens e as delícias do Capital, pagam outros para fazerem o serviço sujo, financiando bandos de blogueiros, sindicalistas, invasores de terras, assassinos, jornalistas e demais formadores de opinião. Os regimes totalitários nunca melhoraram a Vida de ninguém, exceto da cúpula dos líderes. A “família” Castro em Cuba, com os seus poucos apadrinhados, são um exemplo execrável e atual.

 

Comem, bebem, fumam, cagam do bom e do melhor, enquanto a cesta básica do povão é individual, não familiar, tudo anotado numa cadernetinha: dois quilos e meio de arroz, menos de meio quilo de feijão, meia dúzia de ovos e, de vez em quando, carne estragada e leite de Soja, por mês. E todos esses produtos, inclusive a xícara de óleo a que os cubanos comuns têm direito, não são embalados, mas servidos a granel, repletos de pedrinhas, sujeira e Bichinhos. E ainda existem uns desgraçados que defendem esse estado de opressão e miséria, querendo espalhá-lo pelo Mundo, vagabundos!!!

 

 

Como pode alguém nesse clima de Manicômio Público que se transforma o País e a sociedade sob o jugo dessa corja, buscar a Espiritualidade, estudar os Arcanos ou praticar Meditação ? Em Cuba, ainda por cima, é proibido qualquer pessoa morar sozinha. Ou ela vive com a família de origem ou tem que compartilhar uma residência com outros indivíduos. Na Venezuela, o governo desgraçado bolivariano, numa situação de emergência, real ou inventada, designa quantas famílias serão alojadas na casa de alguém. Além disso, o coitado do “anfitrião” terá de compartilhar TODOS os seus pertences, como talheres, roupas e mantimentos, com os “hóspedes”… Talvez até o cônjuge, se forem coerentes com as depravadas teorias e a filosofia marxista.

 

 

Desde o início da contaminação rubra pelos fabianistas, gramscianos e frankfurtianos, os velhacos têm cooptado muita, mas muita gente. Um sem-número de vítimas são o que na atualidade se designam como os “idiotas úteis” (antigamente, eram chamados de “inocentes úteis”). Através de muitas ferramentas e instrumentos, como Instituições de Ensino, agências de Publicidade, produtoras de Teatro e Cinema, Emissoras de Rádio e Televisão, Jornais, Revistas, galerias de Arte, Centros Culturais, Secretarias e Ministérios governamentais, desenvolveram métodos eficientes de formar, condicionar e controlar a Mente da maior parte dos habitantes do nosso Planeta, sobretudo mediante uma controversa e demoníaca Engenharia Psicossocial.

 

 

Pacientemente, foram manipulando a orientação e a estrutura da Personalidade dos povos do Mundo, que muito se aproximam da condição bovina e, pode acreditar, isto não se trata de uma mera metáfora. Foram implantando “chips” de Idéias, sensações e valores em quase todos os bebês, principalmente naqueles nascidos e tratados na rede pública (embora muitos cafajestes endinheirados tenham aderido a essa “conspiração”), ativando essas células cognitivo-comportamentais artificiais ao longo dos anos escolares e com o reforço de modismos, Músicas, Desenhos Animados, Jogos de Videogueime, atos de rebeldia de ídolos e Apresentadores de programas de Tevê, etc.

 

 

Um tiro disparado Aqui e Agora, atingindo o alvo daqui vários anos! É deprimente alguém descobrir que é como é ou acredita ser, por conta de manipulação e programação sórdidas, contudo, é muito pior nunca se conscientizar disto. Mesmo com mutilações mentais e anímicas definitivas, irreparáveis, lesões afetivas e traumas ignorados, ainda assim é possível o ser humano se libertar das correntes mais graves e nocivas, como as de natureza ideológica. Ninguém sairá ileso da formatação, porém, conseguirá se libertar, recuperar e, na medida do possível… Vida normal.

 

 

Quanto aos estratos mais rudes e baixos da população, a operação é muito mais fácil, prática e eficiente. Na Realidade, não é preciso fazer ou acrescentar muitas coisas, e sim estimular idiossincrasias inatas de cunho deletério e auto-limitante, reforçar certas tendências e inclinações que habitualmente fazem parte de qualquer ser humano. Uma correção adequada, como uma boa Educação escolar, moral e cívica, ambiente familiar saudável, participação numa comunidade religiosa séria, TUDO isto poderia sanar a galera perfeitamente, formando um grupo humano dos melhores, livre, responsável, trabalhador, solidário e perspicaz. TODOS têm dever moral de escapar da escravidão desses “Reis Midas” invertidos, que TUDO o que tocam não vira Ouro, mas lixo, úlceras e putrefação!

 

 

Jamais foram melhores ou mesmo boas as intenções das quadrilhas de bandidos trevosos, que empunham e brandem, ameaçadora e psicoticamente, o martelo e a foice. Pelo contrário, para compensar as deficiências cognitivas e motoras, a falta de sensibilidade e a preguiça de um lado, bem como para esvaziar as pessoas dos seus talentos, energias e vocações de outro, passaram a destruir as Artes, as Ciências, a Filosofia e o Conhecimento de uma forma geral, por dentro e por fora.

 

 

 

 

Incentivando a mediocridade, a boçalidade, a simploriedade e a pornografia, eles têm destruído descarada e despudoradamente as grandes conquistas da humanidade, da mesma forma como vagabundos do Estado Islâmico fazem com monumentos e relíquias na Síria ou por onde passem. Os bolivarianos afirmam detestar o Capitalismo, apesar de desfrutarem de TUDO o quê esse sistema inerente ao homem democrático inventou, descobriu e produziu. Também perpetram as mesmas práticas, num nível muito pior, que condenam numa “sociedade consumista”, comprando famintos e miseráveis com “bolsa-família”, artistas vigaristas com muito dinheiro, incentivos e isenções, além de alguns empresários safados, corruptos e patifes, através de fraudes nas licitações, megafaturamento e assim por diante… Os cretinos sonhadores são subornados com chavões, discursos vazios e promessas vãs!

 

 

 

 

Esta é a cambada que deseja “salvar” o Mundo, o ser humano e a Vida. Chegamos ao ponto de parecer estarmos num Circo ridículo, esdrúxulo e macabro de horror: outro dia vimos o vídeo de uma reunião dos filhosdaputa venezuelanos, onde rezavam a oração que o amado Senhor Jesus nos ensinou, só que no lugar do termo Pai-Nosso, falavam “Hugo Chávez”! Santa Misericórdia, que blasfêmia mais repugnante!!! Algum dia teremos de agüentar uma nojeira, uma ignomínia dessas aqui no Brasil ?  Será que podemos aceitar que supostos Maçons e estudantes Rosacruzes, que comungam com essa nefasta ideologia, façam parte dos Corpos de Soldados e Obreiros da Luz ? É mentira que mesmo no sansárico Mundo da Diversidade (Dualidade) tenham de existir sempre os opostos, em busca de um fictício e antropomórfico equilíbrio!

 

 

 

 

Como os Místicos autênticos e os verdadeiros Democratas podem ser descuidados, entorpecidos e ingênuos a ponto de se omitirem na defesa dos valores mais sagrados e elevados como a Família, a Religião, a Liberdade e a Propriedade Particular ? Você possuir espírito democrático e Amor fraterno significa deixar os pulhas tomarem conta do Mundo, das Nações com tradição cristã (ou ao menos ecumênica e eclética) e libertária ? Conspurcarem e detonarem a nossa cultura, as nossas tradições e as nossas Instituições, todas essas coisas que nos diferenciam de uma reles Besta-Fera ? Até quando permitiremos que Loucos da pior espécie dirijam Estados, Empresas e a Organização (soviética) das Nações Unidas ?  Foi para isso que tantos gênios inventaram, descobriram, escreveram, discursaram, calcularam, projetaram, ensinaram e construíram ? Heróis militares, abnegados e intrépidos terão morrido em tantas Guerras, na defesa da Liberdade,  em  vão ?  TUDO por NADA ?

 

 

 

Quando se afirma que os canalhas socialistas e comunistas aprendem muitas coisas com os Democratas Capitalistas, é uma Verdade. A recíproca não é real, por motivos bastante óbvios: os sacanas não têm o quê nos ensinar. Praticamente é isto. Mas há algo das suas cartilhas e credos que podemos utilizar. Quando eles dizem que os esquerdistas em geral “devem esquecer as suas diferenças e se unirem contra o antagonista comum”, reconhecemos que isto pode e deve ser aplicado perfeitamente para o lado do Bem.

 

 

Afinal, TODO esforço será pouco na luta contra essas hordas bestiais e infernais. Nós, os Conservadores, precisamos atualizar alguns conceitos e posições. Precisamos nos modernizar sem cairmos nas armadilhas positivas (fazer O QUÊ e COMO eles fazem e querem que façamos), nem nas negativas (não realizar o que podemos e devemos, com receio de estarmos sendo influenciados e manipulados por eles ou rotulados de politicamente incorreto, o que, cá entre nós, é um elogio). É difícil andar, sem despencar, na corda bamba. No entanto, precisamos de TODO O DISCERNIMENTO POSSÍVEL. E o BOM-SENSO, como de hábito, é imprescindível.

 

 

Pois é, amada galera, infelizmente este é o quadro, ainda que bastante resumido, da nossa Realidade material e espiritual. Gostaríamos de tratar somente de questões amenas, mas quando assaltantes e outros malfeitores estão arrombando o nosso Lar e o dos nossos vizinhos, não podemos nem temos a licença de fazer de conta que NADA está acontecendo. Gente mais sensível e destrambelhada talvez prefira fazer de conta que não há problema nem perigo algum no horizonte ou bem debaixo do nosso Nariz. Todavia, não é assim. Detestamos as pirações e Paranóias conspiratórias, fantasias de alienígenas invadindo de forma sub-reptícia a nossa sagrada Terra e se infiltrando em Governos de super-potências. Acontece que a ameaça da derrocada da Democracia, da Civilização livre e democrática, da Moral e dos bons costumes, das Religiões, de TUDO o que mais veneramos e cultivamos, é um fato.

 

 

A era tenebrosa e trevosa do lulopetismo não acabou com o impedimento da presidente vermelha, muito pelo contrário. Essas eleições provavelmente serão fajutas e fraudadas, mediante a utilização compulsória das urnas eletrônicas, embora tenhamos disposição e esperança de ver homens íntegros, honestos e competentes como o  paulista,    Capitão   Jair Bolsonaro (1955 – …) e o gaúcho, General Mourão (1953 – …), tentarem nos salvar. Só não podemos nos esquecer nunca de que antigamente os comunistas tomavam o poder de assalto, “com um fuzil na Mão e uma ‘idéia’ na Cabeça”. Hoje eles colhem os frutos podres e tóxicos do envenenamento que vem sendo instilado em TODOS há décadas.

 

 

Eleições falsificadas são apenas um último recurso de aparência de Democracia, para dar o último e fatal golpe em seu Coração. Não deveria ser nem necessário que a História mostrasse como TODOS os Países assolados por essa maré comunista fedida e fétida NUNCA MAIS CONSEGUIRAM SE LIVRAR DELA. A Rússia continua tão comunista como na época soviética, apenas procurando se adaptar ao desmoronamento do seu império. A China tem certa Economia de livre iniciativa, mas o povo vive amordaçado, encabrestado e acorrentado. Cuba, Bolívia e Venezuela nem precisamos falar NADA.

 

 

 

Precisamos estar muito atentos, conscientes e informados para saber filtrar TUDO o que nos é transmitido como notícias, conceitos, aulas, palestras, entretenimentos e interpretações, assim como devemos aguçar a Intuição e todos os nossos Receptores Sensoriais e Extra-Sensoriais, a fim de detectar e deslindar a Verdade, onde quer que Ela esteja e o quanto possa estar camuflada ou soterrada sob os entulhos, lixos e propagandas dos agentes infernais. O desenvolvimento da Intuição é maravilhoso, necessário e utilíssimo ao nosso aperfeiçoamento mental e espiritual (e bastante enfatizado nos maravilhosos Ensinamentos Rosacruzes), independentemente do contexto social e político no qual vivemos. Entretanto, tal sentido se mostra imprescindível num Tempo como o atual em que está em jogo a sobrevivência da Vida, da Liberdade e da Dignidade. Os nossos Órgãos de Percepção e suas inúmeras ramificações e especializações, podem assumir níveis de capacidade, realização e poder que antigamente só seriam cogitadas como atributos fantasiosos de Super-Heróis. Temos condições de captar um espectro de Ondas muito além do admitido pelas Ciências convencionais.

 

 

 

 

O nosso Destino, como seres livres, espiritualizados e esclarecidos é a superação de todos e quaisquer limites, até que nossa Essência não seja mais suportada pelo Corpo físico. Sendo um produto ou fruto do Supremo Ser, não temos menos que a Sua própria Natureza em  nosso   D. N. A. e na nossa verdadeira Consciência, que você pode chamar de Alma. O fato de tolos e debilóides afirmarem não acreditar em Deus não é pior do que a maioria de tontos que falam acreditar, mas nem sabem o que seja realmente isto, nem tampouco vivem e agem de forma compatível com essa crença. Estes últimos repetem como Papagaios, automaticamente, sem refletir mais profundamente ou buscar uma relação intensa, verdadeira e completa com Aquilo que dizem crer, como sempre temos exposto.

 

 

 

 

Ainda assim, uma coisa é certa: os malditos comunistas propalam o ateísmo não só por conta da sua estreiteza mental/emocional e espiritual/filosófica, mas como um meio de tirar a possibilidade do povão vir a crer de fato e estabelecer uma interação real com o Criador. Depois de desarmar a população honesta, decente e familiar, querem também privá-la da Fé, da coragem existencial e da força espiritual. Pois até um crente desinformado, despreparado e fútil pode ser revestido de Poder, Sabedoria e Proteção, mormente se for bem intencionado, puro e sincero.

 

 

 

 

Quanto mais atoladas as pessoas estiverem em crises financeiras, medo, Depressão, incredulidade e até desespero, mais facilmente serão conduzidas às estrebarias estatais, onde serão marcadas com ferro em brasa, terão argolas espetadas na Cartilagem das Narinas e receberão arreios para ararem o campo, puxarem carroças ou simplesmente transportarem os canalhas da cúpula do partido único. Inclusive, pouca gente parece perceber que esses gangsteres marxistas estimulam o crime, adulam os criminosos e tentam desmoralizar, corromper, desaparelhar e imobilizar as Forças Policiais não apenas porque são do contra.

 

 

 

Nem somente porque contam se valer dos foras-da-Lei comuns, do lumpem-proletariado, dos refugiados e dos drogados como um Exército paralelo. Um dos motivos principais, além de estabelecer pânico e niilismo no povo, é a banalização das Mortes violentas, a fim de que quando assumirem efetiva e explicitamente o Poder, poderem executar a TODOS quantos se oponham a esse regime de corruptos, incompetentes, ladrões e estupradores. Eles acreditam que o pessoal aceitará o genocídio, acalentando com a esperança de que depois, haverá, finalmente, Paz… Sim, mas será literal e literariamente uma simples e funesta Paz de Cemitério. Essa cambada é tão desgraçada, que se aproveitando das doutrinas e técnicas marxistas-leninistas, pregam que a Moral, a Honestidade e a Decência são valores burgueses e pequeno-burgueses, que devem ser ultrapassados, massacrados e extintos, legitimando os desmandos como corrupção, desvio da verba pública, licitações manipuladas, estelionatos de todos os tipos e tamanhos, inclusive e principalmente eleitorais… Estabelecem na Mente e no Coração dos populares a aceitação da mentira, do engodo e da prevaricação, que prosseguirão principalmente depois de instalado o “governo revolucionário”. Em Cuba, por exemplo, o povo ironicamente se refere aos Castro como a “família real”.

 

 

E reconheçamos: os vermelhos fazem um trabalho de adestramento tão bom, sobretudo em Mentes já predispostas a Desajustes e Enfermidades Psiquiátricos, que na condição de Delirantes, as suas vítimas mantêm “crenças falsas e fixas sobre o Mundo e a Vida que não podem ser alteradas através de Raciocínio, Informação e Instrução” de jeito nenhum. As capacidades de Raciocínio, Abstração, Afeto e Discernimento se embotam completamente. A imbecilização e a estupidificação acompanham, para nos valermos de uma linguagem psicanalítica, a fixação e regressão da Libido. O sujeito passa a acreditar que está colaborando com essa gentalha para “o Bem de TODOS e felicidade geral da Nação”, isto é, os mais babacas e ingênuos. A maioria é formada simplesmente de bandidos e assassinos mesmo.

 

 

Transformação. Transformar a TUDO E A TODOS, para o Bem ou para o mal. Libertar ou escravizar. A ação de transformar implica na assunção de riscos e, conseqüentemente, de gerar um bom ou mau Karma. Podemos escolher transformar ao Mundo nos transformando ou simplesmente aceitar que matem os nossos sonhos, ideais e talentos, sequem a Fonte da Vida e da Esperança, obscureçam e ensangüentem a Senda, transformem a TODOS nós em escravos alienados, felizes e ébrios. Todas as estereotipias, preconceitos e mentiras se tornam a “verdade oficial do estado” tirânico. Quem questiona, crítica ou rejeita, é muito prontamente encarcerado ou, mais comumente, morto! Não existem notícias ou novidades, apenas propaganda e doutrinação ideológica. Podemos fazer crescer e desabrochar a Rosa em nosso Peito e sermos Deuses ou simplesmente nos degradarmos ao status de Mula a serviço da “Revolução”! Abraços e beijos! Paz Profunda!

 

 

 

  1. Lafam.
Tags: