Jairo Valio: ‘Para as mães ofereço…’

12/05/2018 21:07

Jairo Valio: ‘Para as mães eu ofereço…’

Um despertar suave com cantos de pássaros./ Anjos entoando lindas canções de amor,/ Com filhos e filhas afagando seus rostos,/ Beijos e abraços numa estonteante alegria.”

 

Para as mães eu ofereço…

 Um despertar suave com cantos de pássaros.

Anjos entoando lindas canções de amor,

Com filhos e filhas afagando seus rostos,

Beijos e abraços numa estonteante alegria.

 

A aurora radiante que vai despertando,

Trará o aroma das matas através da brisa,

Com as flores coloridas irradiando perfumes,

Que se embelezam homenageando todas as mães.

 

Pétalas de rosas adornando suas cabeças,

De todas as cores com suaves perfumes,

Coroando suas majestades rainhas do lar,

Mesmo que não queiram receber as coroas.

 

Dos maridos por quem fizeram juras de amor,

Recebam carinhos e rosas em forma de mimos,

E os que cometem agressões tão desvairadas,

Tenham um pacto com Deus para não mais agredirem.

 

Um encantador entardecer que se avizinha,

Com o sol pincelando de luzes o espaço infinito,

É o que oferece a natureza toda em festa,

Brindando a calmaria de um dia que se encerra.

 

Na noite que vem espalhando seu manto de estrelas,

Tenham somente dádivas num dia todo especial,

Podendo contemplarem o céu todo estrelado,

E a lua enluarada convidando-as para amar.

 

Jairo Valio – valio.jairo@gmail.com

 

 

 

 

Tags: