Escritores da região são classificados em concurso literário internacional

15/04/2018 23:22

Os escritores Carlos Carvalho Cavalheiro, Ivan Vagner Marcon e Fernando Jesus Catossi foram classificados para participar da coletânea do Prêmio Vip de Literatura 2018, realizado pela A. R. Publisher Editora

 

Os escritores Carlos Carvalho Cavalheiro, Ivan Vagner Marcon e Fernando Jesus Catossi foram classificados para participar da coletânea do Prêmio Vip de Literatura 2018, realizado pela A. R. Publisher Editora.

De caráter internacional, com participação de vários países de língua portuguesa, o concurso é realizado anualmente e seleciona 50 autores, sendo 25 poetas e 25 contistas, para a publicação de coletânea, além de emissão de certificados e medalhas.

Este ano o concurso teve 819 contos inscritos e 1382 poesias.  Dos 639 trabalhos classificados para a segunda fase da avaliação, a média das melhores notas apontaram 118 (63 poesias e 55 contos) disputando as 50 vagas, o que demonstra o quanto a competição do concurso é acirrada. O presidente da  Comissão Julgadora foi Sérgio Luiz Moreira.

Dos selecionados da região de Sorocaba, cada um dos três reside em cidade distinta: Sorocaba, Porto Feliz e Jundiaí.

Carlos Carvalho Cavalheiro

Carlos Carvalho Cavalheiro reside em Sorocaba e trabalha como professor de História em Porto Feliz, na EMEF. Cel. Esmédio. Costuma dizer que é cidadão de duas cidades, pois as vivencia cotidianamente. Conquistou o 17º lugar com a poesia “Inseto Voador”, sendo o único poeta da nossa região a ser classificado nesse concurso.

Ivan Vagner Marcon

Ivan Vagner Marcon obteve o 12º lugar com o conto “Sobre silêncios e linguagens”. Ivan reside em Porto Feliz e já participou de diversos concursos literários.

Fernando Jesus Catossi é de Jundiaí e foi classificado em 22º lugar com o conto “Cronofobia”.
Das inscrições internacionais, Portugal conseguiu duas classificações nos contos e o Japão obteve uma classificação na poesia.

Este é o terceiro ano do Concurso VIP, sendo que os outros ocorreram nos anos de 2016 e 2017.

Angela Ramalho, proprietária da Editora A. R. Publisher, promotora do concurso diz que “Fizemos o nosso melhor e considerando os 2.201 trabalhos que recebemos, entregamos o resultado sem necessidade de prorrogação. Os méritos dessa pontualidade, devemos ao empenho do Presidente da Comissão Julgadora Sérgio Luiz Moreira, que desde a primeira inscrição recebida, leu todos os trabalhos, montando pastas específicas e realizando a pré-seleção. Nossos agradecimentos ao Sérgio Moreira e a todos os jurados convidados que “abraçaram a causa” e nos brindaram com avaliações primorosas. A esse respeito, não posso deixar de agradecer aqui a atriz, escritora e produtora cultural Paula Giannini que, além de atuar como jurada, nos indicou 06 excelentes jurados de contos. Parabéns a todos os selecionados! Aos que não conseguiram classificação, continuem conosco. Em janeiro de 2019 voltamos com mais uma edição do Projeto VIP”.

Tags: