EMEF. Cel. Esmedio, de Porto Feliz, promoveu, no 28 de junho, a 5.ª Gincana de História: um olhar sobre a cidade

29/06/2017 12:25

Na 5.ª Gincana de História da EMEF. Coronel Esmédio, de Porto Feliz, 7 equipes inscritas se dispuseram a resolver 15 enigmas referentes a aspectos diversos da cidade

 

Nesta quarta-feira, dia 28 de junho, ocorreu a 5ª Gincana de História da EMEF. Coronel Esmédio, na cidade de Porto Feliz. Sete equipes inscritas se dispuseram a resolver 15 (quinze) enigmas referentes a aspectos diversos da cidade.

Idealizada pelo professor de História Carlos Carvalho Cavalheiro, a Gincana teve como propostas o desenvolvimento do olhar atento, a leitura de mundo, o despertar para a cidadania e o pertencimento, reforçando os laços de identidade dos estudantes com o lugar em que vivem.

As equipes também foram estimuladas a consultar livros sobre a história da cidade, entrevistar pessoas, bem como utilizar de meios tecnológicos como acesso à internet, GPS e outros. No entanto, a construção dos enigmas, realizada pelo professor Carlos Cavalheiro, pressupôs a presença das equipes no lugar. “A base é a leitura do entorno, a leitura crítica do ambiente. A presença dos estudantes nos lugares propostos é essencial para a resolução dos enigmas”, salienta o professor.

  A Gincana surgiu em 2010 por meio de uma proposta de alunos dispostos a ter uma forma diferenciada e significativa de aprendizagem de História. Preocupado com a memória enquanto cimento para a concretização da identidade, o professor Carlos propôs, então, que se fizesse uma gincana com disputa entre equipes para resolução de enigmas. O projeto deu certo e foi repetida nos anos de 2012, 2013 e 2016.

Com apoio da comunidade, a Gincana contou com uma tarefa além da resolução dos enigmas. Os estudantes tiveram que recolher o carimbo de 4 locais para conclusão das tarefas: Biblioteca Municipal / Arquivo Público Municipal; Casa da Cultura; Armazém José Dumont e Academia Força Pura.

De acordo com o idealizador da Gincana, o professor de História Carlos Carvalho Cavalheiro, a Gincana se propõe a criar um novo olhar sobre a cidade, mas também estabelecer as relações com a comunidade e o entorno da escola. “Temos a vantagem de estarmos localizados na região central de Porto Feliz. Por isso, a comunidade e o entorno da escola são ricos em todos os aspectos”, informa o professor.

Foram convidados a participar da Gincana alunos dos 6ºs aos 9ºs anos da EMEF. Coronel Esmédio, os quais fizeram a inscrição antecipada de equipes formadas por 5 (cinco) alunos cada. Acompanhados de um professor da escola, as equipes percorreram diversos pontos da área central da cidade, onde está localizada a escola. O objetivo da atividade é despertar o interesse dos alunos pelas coisas da sua cidade, bem como desenvolver o olhar atento e a leitura crítica do mundo. A Equipe Gestora da escola Coronel Esmédio é composta pela Diretora Michelle Alexandra Alves Pinho, a vice-diretora  Mariana Gomes Genestra Romano e pela coordenadora pedagógica do Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano), Selma Morro Correa.

A equipe vencedora da 5ª Gincana de História da EMEF. Coronel Esmédio é composta dos seguintes alunos: Camylli Oliveira Yoshii, Michele Ribeiro Bavati, Samuel Gomes de Toledo Neto, Larissa Eduarda Tirabassi e Marcela Andrade Veronezi Cavalheiro. A equipe foi acompanhada pelos professores Andressa Regina Fernandes Freire e Rafael do Carmo Diniz.

  

  

Tags: