Cíntia Crocco: ‘Os dias estão mais longos ou mais curtos?’

08/03/2019 18:46

“Você também anda com a impressão de que os dias estão passando cada vez mais rápido? Com aquela impressão que começamos uma semana e logo já é sexta feira?”

Você também anda com a impressão de que os dias estão passando cada vez mais rápido? Com aquela impressão que começamos uma semana e logo já é sexta feira? O ano mal começou e já estamos em março? Sabe aqueles momentos atarefadíssimos que fazem você desejar que o dia tivesse mais horas?  Essa informação pode não ser sentida por todos, claro, também existem aqueles que contam até mesmo os segundos, mas parece que as horas insistem em não passar. Isso acontece porque a percepção de tempo pode ser mutável de pessoa para pessoa. Principalmente se você é uma pessoa atarefada terá a impressão de que o tempo passou “voando”.

Caso você queira dias mais longos, somente daqui a alguns milhões de anos e por culpa da Lua, conforme cientistas da Universidade de Wisconsin-Madison que atestaram que, a cada ano, nossos dias ficam um centésimo de milésimo de segundo (1/75000) mais longos.  Em contrapartida, conforme informação da NASA, após o terremoto de magnitude 8,9 que atingiu o Japão em março de 2011, os dias estão um pouquinho mais curtos. Um pouquinho mesmo: 1,6 microssegundos.

Mas, vamos a um ponto muito importante que é o nosso cérebro. Estamos usando o celular como se fosse um HD externo do nosso cérebro. Uma extensão da nossa memória. Quando você vive com celular ou uma câmera fotográfica no bolso, a tendência é que você se preocupe mais em interagir com suas redes sociais, WhatsApp, ou até mesmo registrar momentos do que, de fato, prestar atenção ou vivê-los. Quando realmente prestamos atenção em algo, podemos codificar informações na memória, criarmos informações neurotransmissoras ao nosso corpo todo.

Sendo assim, cada vez mais encontramos com pessoas estudando e procurando como controlar pensamentos, implantar memórias, aumentar a inteligência, transmitir informações por telepatia etc. Busca por cursos crescem a cada dia para mais conhecimento, especializações, novas técnicas, como aumentar a produtividade, como ganhar dinheiro, entre outros, cursos para autoconhecimento, crescimento pessoal ainda infelizmente estão em segundo plano, nossa preocupação é ter e não SER, estamos VIVENDO OU SOBREVIVENDO?

Para ter dias mais curtos ou mais longos, isso tanto faz, o importante é vivermos cada segundo do AQUI E AGORA. Viva intensamente, perceba o seu mundo, se ame mais, se cuide, SEJA A MELHOR VERSÃO DE VOCÊ MESMA.

VOCÊ MERECE O MELHOR, PARA TER E SER O MELHOR!

Com carinho, Cíntia Croco

Psicanalista e Master em Hipnose Clinica

cicroco@gmail.com

Tags: