Aos 87 anos de idade, Ady Margarida Pellini lança o livro ‘Lembranças em prosas e versos’

07/06/2018 14:35

“Quantas histórias passam pela minha cabeça; às vezes, fatos verídicos que deveriam ser contados e nunca esquecidos. Às vezes, coisas inventadas pela minha  cabeça esquecida ou ensandecida;  seja qual for a palavra, as duas são malditas…. custam a chegar em minha mente e, quando chegam, já passou o tempo de serem ditas..” (Preâmbulo)

 

Renata Pellini Guimarães

Segundo a poetisa Renata Pellini Guimarães, filha da escritora: “Tem este livro a exata intenção de homenagear, com todo o respeito e admiração, esta velha senhora, minha mãe, que, há 26 anos, no auge dos seus 60, presenteou minha filha, então menina de 8 anos, com um livro de poesias, histórias e crônicas, escritos por ela para interagir e agradar a neta sonhadora, de grande imaginação e transbordante de alegria, que preenchia com calor e carinho a vidas dos avós, em  algumas tardes que ali passava, enquanto eu lecionava.”

Renata anota que as histórias foram compiladas e organizadas por seu “saudoso pai, que dedicou a ela um prefácio lindíssimo de reconhecimento pelo talento literário e pela forma alegre e descontraída de escrever.”

Depois de três décadas de espera, à frente da luta diária, Renata pôde, finalmente, editar a obra. E, em tendo realizado o desejo, ressalta: “eu tenho a mesma idade que ela quando escreveu para minha filha… e faço esta homenagem sentindo, talvez, o mesmo entusiasmo que ela sentiu ao preparar este magnífico presente para sua neta.”

A escritora, Ady Margarida Pellini

A filha, com evidente orgulho da mãe literata, a descreve: “Viúva, mãe de oito filhos , avó de 13 netos e bisavó  de 11 (o  décimo segundo está a caminho), passa as tardes lendo e reescrevendo suas histórias,  cercada dos mimos de seus familiares. Com sua imaginação fértil, relembra suas aventuras de meninice relatando episódios  e inventando outros tantos.  Sempre antenada nos noticiários do mundo  e do país, escreve crônicas e sátiras sobre as personagens e acontecimentos de forma inusitada, sempre caricaturando sobre os mandos e desmandos dos detentores do poder. Aos 87 anos, diabética e portadora do Mal de Parkison, mas consciente da realidade  que a cerca, ainda insiste, despudoradamente,  em encantar e fazer rir àqueles que leem seus escritos.”

O livro, editado pelo Clube de Autores, foi prefaciado por Henrique Genesi Pellini, esposo da autora.

A obra, impressa,  pode ser adquirida por meio do link: https://www.clubedeautores.com.br/book/257109–LEMBRANCAS_EM_PROSAS_E_VERSOS#.WxlI2zQvycx,  ou, diretamente, com Renata Pellini, pelo Face (Renata Pellini Guimarães), ou, ainda, pelo celular/WhatsApp: (15) 99662-5250, ao preço de R$ 36,30.

 

 

Tags: