Angela Fiorenzo: ‘Um tempo inesquecível’

20/02/2021 17:14

Angela Fiorenzo

Um tempo inesquecível

Sempre gostei de momentos não programados. Amo surpresa, boa, vale dizer!! Acho que perde muito quem não gosta de ser surpreendido, positivamente, reforço – rsrs – porém, entendo, de repente existe uma razão! O que seria do azul, repetindo o dito popular, se todos gostassem do vermelho??? E penso agora, há quanto tempo não ouço isso!!! rsrsrs

Eu, ao contrário, fico feliz, e sempre que fui surpreendida, comemorei! Como este final de janeiro… e fevereiro!

Sem nada certo, com mala arrumada de última hora, última de verdade, fui para a casa de amigos, na praia. Mongaguá, precisando o local. Importante dizer, pois a cidade que num passado distante, nos meus 18 anos não me conquistou, pois meu desejo era ficar no carnaval em Sorocaba e meu pai, absolutamente contra, me fez ir com a família, anos depois mudou meu sentimento. Comecei a me apaixonar por esse pedacinho do litoral paulista. E aí chegam as lembranças…. São muitas, incontáveis eu diria, mas não me sinto à vontade para comentar sobre esse passado, pois a história que revivo enquanto escrevo, não é só minha. Ele não está mais aqui e não seria justo contar o que pertencia a nós dois. Que o passado fique no passado e dele eu tenha as melhores recordações, aquelas que nos fortalecem e aquecem o coração sempre que precisamos.

Depois disso voltei outras vezes, curti cada ida, senti saudade em cada volta, todas guardam deliciosas recordações, mas estes janeiro e fevereiro, quase 30 dias divididos em três etapas… foram especiais. O motivo ou motivos??? A convivência enriquecedora, os brindes, nem sei quantos, mas foram muitos, que fizemos à amizade: o casal anfitrião – amigos que fogem sobremaneira do lugar comum, ultrapassam a excepcionalidade!; uma velha amiga, companheira da primeira etapa da viagem, ela e a neta, um encanto também, ambas, com sua delicadeza e atenção, colocam flores no lugar onde estão; uma nova amiga com quem retornei na segunda, uma pessoa incrível que tem o dom da leveza, do riso, do bom humor em todos os momentos e da juventude, embora não esteja nela; e na terceira e última etapa, uma nem velha nem nova amiga, mas muito, muito querida. Uma mulher de fibra, guerreira, que deixaria o bambu lhe render tributo, se isto fosse possível, pelo tanto que ela suportou de ventania e revezes em sua vida, pelo tanto que fez, pelos exemplos de fé, humildade, sabedoria e determinação que pode agregar às suas qualidades. Bem assim, se a vida lhe der um limão faça uma limonada, para ela nada menos que a melhor, a mais saborosa limonada!

Diferentes uns dos outros no estilo e principalmente no ser e viver, todos têm muito em comum. Não vou dizer que são parecidos, porque não são, e suas histórias tampouco se confundem ou se misturam. Mas nesse muito em comum, elas e ele, o anfitrião, têm os tempos difíceis que atravessaram; as dores que viveram; os caminhos que os desviaram do primeiro sonho; a luta por um ideal; a crença no mesmo Deus que seguraria firme em suas mãos para que não caíssem e a fé inabalável de que o futuro seria melhor do que aquele presente, seria preciso seguir, confiar e esperar. Mais em comum todos têm harmonia, alegria de viver, a flexibilidade que permite a espera sem cruzar os braços deixando acontecer; o olhar de quem sabe enxergar luz mesmo onde há sombras; a sabedoria de que é preciso compartilhar, compreender, perdoar e amar para ser feliz!

Como não dar ao primeiro mês deste 2021, considerando ainda as mazelas que estamos vivenciando desde o ano anterior, o nome de Felicidade? Como não agradecer com enorme carinho e reconhecimento gigante o casal que nos recebeu de portas, de braços abertos, de uma maneira que torna impossível a quem chega não sentir a acolhida e o inigualável seja bem vindo!!!??? Assim, gratidão eterna aos amigos Mazé e Zezinho Lima, agregadores de amigos como gosto de dizer, pois sem eles nada disso teria acontecido. Os outros personagens? São igualmente reais: Marilda e Vitória Hashimoto, Catarina Franco e Cátia Martins. Muito obrigada por esse tempo, um tempo inesquecível!!! Tim-tim!!!

 

Angela Fiorenzo

amsfiorenzo@gmail.com

 

 

 

 

Tags: